O bom momento do Cruzeiro passa, também, pela excelente fase do
meia Arrascaeta. O uruguaio é titular absoluto do time de Paulo Bento, vem
atuando bem, dando assistências e marcando gols. Ele é, inclusive, artilheiro
do time na competição, com quatro gols.

No último jogo fora de casa, vitória
por 4 a 0 contra a Ponte Preta, guardou dois. Ele curte a fase de artilheiro,
mas avisa que balançar as redes não é o forte dele, e sim de outros jogadores.

– Sempre quero ajudar o time. Não sou goleador, de
fazer muitos gols, mas tive a possibilidade de fazer oito (na temporada) e ajudar o grupo.

Temos jogadores que estão voltando. Temos o Riascos, o
“Wanchope” (Ramón Ábila), que é goleador.

Esperamos que ele seja o
goleador no campeonato.

 

Parceria com ÁbilaUruguai e Argentina têm, tradicionalmente, uma rivalidade
muito grande.

No Cruzeiro, porém, a parceria entre Arrascaeta e Ábila é motivo
de muita expectativa para o torcedor. O meia comentou as contratações do clube.

Não só a de Ábila, como também a de Rafael Sobis.

 

– O “Wanchope” eu conheço mais que o Rafael Sobis.

Já enfrentei, vi jogar na Libertadores e no campeonato argentino. Ele briga
muito.

É um 9 de área, movimenta muito e faz muito gol. Sobre Sobis, também vi
jogar no México.

Todos conhecemos a capacidade que tem para fazer gols e a
qualidade que tem. A experiência dele vai ajudar muito o grupo.

(*) Sob supervisão de Valeska Silva
.

Fonte: Globo Esporte