A esperança dos torcedores do Cruzeiro era de que o time reagisse logo na segunda metade do Campeonato Brasileiro. Porém, o empate em 2 a 2 com o Coritiba (veja os lances no vídeo acima), no domingo, no Independência, em Belo Horizonte, deixou os cruzeirenses um pouco frustrados. Nas primeiras cinco rodadas do returno do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro, 18º colocado, teria pela frente cinco adversários que brigam com a Raposa para não terminar a competição na zona de rebaixamento: Coritiba (em casa), Figueirense (fora), Santa Cruz (casa), América-MG (fora) e Botafogo (casa).

Com atuações melhores desde a chegada de Mano Menezes, o time vinha de duas boas atuações, com vitória de 4 a 2 sobre o Internacional, no Independência, e empate em 1 a 1 com o Corinthians, no Pacaembu.Mas, no primeiro duelo da lista, a Raposa, que fez 1 a 0 logo aos dois minutos de jogo, levou a virada ainda no primeiro tempo e, com muita luta, conseguiu, pelo menos, um empate por 2 a 2.

Num jogo em que os três pontos eram “garantidos” nas contas dos torcedores, já que o Coritiba, que neste momento não figura no Z-4, mas é o 16º colocado, com 22 pontos, e também está na briga contra a degola. Apesar de o duelo com o time paranaense aparentar ser mais tranquilo, pelo fato de o Cruzeiro jogar em casa, o atacante Rafael Sobis ressalta que não é bem assim.

LEIA MAIS>> Com entorse no joelho direito, Fábio passará por exame na segunda-feira>> Cruzeirenses lamentam empate em “jogo de seis pontos” com o Coritiba- Não existe jogo fácil, ainda mais quando o adversário se
fecha, não tem nem a vontade de vencer. Tentamos de várias formas, o time
deles ficou lá atrás.

Tentamos, tentamos, e não conseguimos; Mas nosso time
evoluiu.O tropeço em casa, na abertura do returno, foi taxado de “frustrante” pelo técnico Mano Menezes, que disse que, neste momento, o importante não é jogar bem.

mas sim vencer. Próximos jogos do Cruzeiro21/08 – Figueirense x Cruzeiro28/08 – Cruzeiro x Santa Cruz08/09 – América-MG x Cruzeiro11/09 – Cruzeiro x Botafogo- Frustrante.

Essas são as boas oportunidades
para embalar a equipe, que dão a confiança que você precisa aumentar nessa
hora. Mas nós vamos fazer essa saída logo logo.

No primeiro tempo, a gente não conseguiu
fazer um jogo tão equilibrado como poderia por
erros nossos de posicionamento. Temos que diminuir os gols sofridos, o que é o
problema na minha opinião, porque uma equipe não pode sempre tomar dois gols, ou
às vezes até mais.

Não sofrer primeiro e assegurar o resultado. O importante
é vencer, não é jogar brilhantemente nesse momento.

O meia Rafinha, por sua vez, lamentou o resultado de empate com o Coritiba, no Independência, projetando o que a vitória poderia causar para o time do Cruzeiro, além da saída da zona de rebaixamento.- Dentro de casa, com o apoio do nosso torcedor, uma
oportunidade de sair da zoa de rebaixamento e ter uma semana mais tranquila
para trabalhar.

Mas vamos continuar nossa luta para sair dessa situação.
.

Fonte: Globo Esporte