Às vésperas da final do Campeonato Carioca, a notícia de que
o Cruzeiro tem interesse pelo técnico Jorginho acendeu o alerta no Vasco. Ou deveria.
No entanto, a tese da preocupação foi logo rechaçada pelo presidente Eurico
Miranda, bem ao seu estilo.

– Que assédio do Cruzeiro! E eu tomo conhecimento disso? Eu
não tomo conhecimento. Não falaram comigo, não me procuraram.

Por que se tiver
a audácia de falar comigo toma logo nas trompas – disse Eurico, após gravação
do programa Camarote Première, que vai ao ar domingo, às 14:30 (de Brasília),
antes da decisão.De acordo com o o mandatário cruz-maltino, tanto Jorginho quanto Zinho são funcionários do clube no regime de CLT.

– Eles não têm contrato – explica.Sobre a participação do Vasco na Primeira Liga de 2016, na
qual a Ferj tenta assegurar as vagas de campeão e vice do Carioca, enquanto a
Liga garante que só filiados têm o direito de disputá-la, Eurico debochou:- O dia que o Vasco tiver que pedir a alguém para entrar em
alguma coisa.

..

Um cara que fala isso é um idiota.
.

Fonte: Globo Esporte