Eliminado do Campeonato Mineiro, o Cruzeiro demitiu o técnico Deivid e busca um substituto para assumir a equipe, mas o anúncio pode não ser tão imediato. Marcelo Oliveira, Falcão e Abel Braga, citados após a partida como possíveis “candidatos à vaga”, estão descartados, segundo o narrador Rogério Corrêa. Jorginho, atualmente no Vasco, estaria na mira, mas o fato de estar empregado dificulta.

Há a possibilidade de o clube esperar as finais dos estaduais para anunciar o novo comandante (assista ao vídeo). Jorginho está na final do Carioca com o Vasco (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.

com.br)- O Cruzeiro espera o fim dos campeonatos estaduais para que essa oferta de técnicos disponíveis possa aumentar no mercado.

Se falou muito que o presidente do Cruzeiro, Gilvan de Pinho Tavares, gosta muito do Jorginho, que é o técnico do Vasco e está fazendo um bom trabalho. Mas, como está empregado, fica mais complicado – considerou.

Ao analisar os outros nomes, Rogério disse que o nome de Falcão agrada a imprensa, mas não está entre os favoritos da diretoria. O narrador também não acredita na volta de Marcelo Oliveira, apesar de o treinador estar livre no mercado desde que deixou o Palmeiras.

A contratação de Abel emperra em questões burocráticas. – Existe um cardápio pequeno de treinadores disponíveis, então procuramos saber quem não vem.

Apuramos que, segundo a diretoria, Falcão não é o nome preferido. O Abel tem um acordo com o Al Gharafa de não dirigir clube nenhum até o meio do ano, então, para trazê-lo é difícil e, por essa cláusula, em princípio também não vem.

E o Marcelo Oliveira saiu recentemente, em junho do ano passado, então os fatores que causaram a saída ainda estão aí e a situação não parece tranquila para assumir o Cruzeiro agora. Então, a gente descarta esses nomes  – explicou.

O Cruzeiro convocou uma coletiva para estar segunda-feira, quando deve dar mais detalhes a respeito da busca por um substituto para Deivid. Enquanto isso, o time será treinado interinamente por Geraldo Delamore, membro da comissão técnica fixa do clube.

O time só volta a jogar dia 5 de maio, quando faz o jogo de volta com a Campinense, pela primeira fase da Copa do Brasil.  LEIA MAIS> Bob Faria diz que faltou “eloquência” a Deivid no Cruzeiro: “Mais firmeza”> Após eliminação no Mineiro, Cruzeiro anuncia saída do técnico Deivid
.

Fonte: Globo Esporte