Na boa vitória do Cruzeiro sobre o Santa Cruz, por 2 a 0, a dupla de volantes do time azul teve atuação segura e eficiente. Os argentinos Ariel Cabral e Lucas Romero deram conta de realizar o que Mano Menezes propôs, com a ausência de Henrique, que cumpriu suspensão por três cartões amarelos.Romero ficou feliz com o desempenho da dupla e disse que se lembrou dos tempos de Vélez Sarsfield, da Argentina.

Os dois jogaram juntos também no clube de Buenos Aires.- Eu disse depois da partida
que senti um prazer jogar ao lado do Ariel.

Ele é jogador muito bom, tem
facilidade com a bola, eu gosto muito de jogar com ele, me fez lembrar o
tempo de VélezRomero também curtiu a vitória, que fez o Cruzeiro subir para o 14º lugar do Campeonato Brasileiro. Segundo o volante, a sequência de cinco partidas sem derrota faz com que a confiança do time cresça.

Foi um jogo muito importante para a gente. A gente precisava de uma
vitória em casa, diante da nossa torcida.

– Foi um jogo muito importante para a gente. A gente precisava de uma
vitória em casa, diante da nossa torcida.

Foi muito importante, a gente vem
em uma sequência sem perder, somando pontos, saímos da zona de
rebaixamento, e
isso ajuda a dar confiança para todos nósO Cruzeiro volta a campo na próxima quinta-feira, às 20h (de Brasília), quando enfrenta o Botafogo, no Rio de Janeiro, pela Copa do Brasil. Como Henrique está de volta, o time fica com três volantes para duas vagas.

Isso, é claro, se Mano Menezes mantiver o esquema tático que vem usando.- Quem tem que decidir é o Mano.

No jogo de ontem, eu fiz um trabalho de mais
equilíbrio para a equipe e o Ariel, com a condição dele, teve mais
liberdade – conclui Romero.
.

Fonte: Globo Esporte