Caio Júnior fez sua primeira partida como técnico da Chapecoense e mostrou um misto de sorte e competência em sua estreia. Nesta quarta-feira, diante do Cruzeiro, pela 12ª rodada do Brasileirão, duas das alterações do treinador deram resultado. Arthur Maia e Kempes marcaram na vitória por 3 a 2, na Arena Condá, resultado que segura a boa sequência da Raposa – Silvinho também fez para a Chape, e Pisano e Fabrício Bruno marcaram para os mineiros.

++ Veja como foi a partida em Tempo Real++ A tabela completa da Série A do BrasileiroCom
o resultado, a equipe catarinense chega aos 18 pontos e fica a dois do G-4. O time volta a campo no próximo domingo, 16h, contra o Santos, na Vila Belmiro.

O Cruzeiro segue com 14 pontos e joga no mesmo dia, mas às 11h. O adversário é o Vitória, no Mineirão.

O jogoBastaram seis minutos de partida para que em uma desatenção da Chapecoense, o Cruzeiro chegasse ao placar. Arrascaeta apareceu na esquerda e cruzou, Marcelo Boeck deu rebote, e Pisano abriu o placar.

Na frente do placar, a Raposa passou a controlar o jogo e mostrou controle defensivo até os 41 minutos, quando Silvinho recebeu passe na área e bateu na saída de Fábio para abrir o placar.Na volta do intervalo, mais oportunidades foram criadas.

A Chapecoense encontrou um Cruzeiro mais recuado e esboçou uma pressão. Parou em boas defesas de Fábio, enquanto a Raposa apostava na criatividade de Arrascaeta.

Caio Júnior então colocou Arthur Maia e, em dois minutos, o meia marcou em uma bela cobrança de falta. A vitória catarinense parecia encaminhada, mas o Cruzeiro conseguiu o empate aos 38.

Em um lance que gerou reclamação dos donos da casa – alegando domínio com a mão -, Romero chutou mal e a bola sobrou para Fabrício Bruno igualar a partida. Mas ainda havia tempo para mais e, aos 43, Kempes garantiu a vitória do Verdão do Oeste.

.

Fonte: Globo Esporte