O Cruzeiro perdeu mais uma no Campeonato Brasileiro. Na
tarde desta quarta-feira, levou 2 a 0 do Fluminense, em Mesquita (veja os melhores momentos do jogo no vídeo abaixo), e vai terminar a
rodada na zona de rebaixamento. O técnico Paulo Bento não quis falar sobre sua situação à frente do time, nem mesmo do afastamento do atacante Riascos.

Para o treinador português, mais importante do que falar sobre os assuntos é falar da situação e dos problemas enfrentados pelo Cruzeiro.

 

 – Perdemos por 2 a 0 e estamos numa situação não muito boa.

Perguntar sobre a minha situação acho que não é o mais importante. A situação
do Cruzeir não é boa e não é agradável.

Dentro das dificuldades que
esperávamos ter, não esperávamos tantas. A verdade é que estamos onde estamos pelos
erros que temos cometido.

Não fizemos aquilo que tínhamos planejado e sofremos
dois gols de bola parada no primeiro tempo. Jogamos com muito pouca intensidade
e agressividade, essencialmente em termos defensivos.

No segundo tempo,
entramos um pouco diferentes. Tivemos algumas situações para reduzir a
desvantagem e não conseguimos.

Depois, o jogo entrou em uma dinâmica em que não
foi bem jogado.

Para Paulo Bento, a aposta em jovens jogadores não tem sido o problema para a má fase do time.

O treinador se mantém fiel a suas convicções e diz que não são os jovens os responsáveis pelos maus resultados.

 

– É importante é saber o que existe no clube.

O clube tem
uma política e uma filosofia de apostar nos jogadores da base. Alguns deles uma
aposta mais clara, durante esta temporada, casos de Bruno Viana, Bruno Ramires
e outros jogadores.

Alguns não estamos usando por lesão, casos de Mayke e
Alisson. Depois tivemos uma contratação como a do Romero.

Temos também o
Arrascaeta, que é jovem. A maior parte dos jogadores é jovem.

Temos uma média
de idade baixa. Se pensarmos na questão da juventude, estamos enganados.

O problema
é mais abrangente. É muito mais coletivo do que apenas a idade dos jogadores.

Em relação ao problema com Riascos, que não faz mais parte do elenco cruzeirense, o técnico Paulo Bento não quis emitir opinião.- Isso é com a direção.

Vamos tomar internamente as direções
que temos que tomar.
 

 

.

Fonte: Globo Esporte