Manoel voltou ao time titular do Cruzeiro na derrota por 2 a 0 para o Santos, domingo, na Vila Belmiro. O zagueiro deve manter a posição de agora em diante, já que tem a confiança do técnico Mano Menezes e fez grandes jogos ano passado. Manoel afirma que está totalmente recuperado de uma artroscopia no joelho direito e que já não sente mais dor, o que é fundamental para readquirir ritmo de jogo e o bom futebol.

– É difícil
voltar assim, num jogo decisivo, em que precisávamos ganhar. Vinha
treinando forte e me dedicando.

Com isso, você sofre menos durante o jogo.
Me preparei bem.

Falta ritmo, mas só se pega
ritmo durante os jogos. Estou sem dor, isso é o mais importante.

Sempre faço algo a mais depois dos treinamentos para não sofrer tanto nos jogos. Isso me ajudou bastante em Santos.

Ciente da delicada situação que o Cruzeiro enfrenta na tabela de classificação do Brasileirão – é o vice-lanterna, com 15 pontos em 17 jogos – Manoel encara o jogo desta quinta-feira, contra o Internacional como uma verdadeira decisão.Me preparei bem.

Falta ritmo, mas só se pega
ritmo durante os jogos. Estou sem dor, isso é o mais importante.

Sempre
faço algo a mais depois dos treinamentos para não sofrer tanto nos
jogos. Isso me ajudou bastante em Santos.

– Todo
jogo para nós é uma final. Precisamos de resultado.

Temos dois dias
para treinar, hoje e amanhã (terça e quarta). Uma partida muito importante.

Precisamos do
torcedor, que será muito importante
Faltando 21 rodadas para o fim do Campeonato Brasileiro, Manoel está confiante quanto a recuperação do time e acredita que o Cruzeiro consegue, com o apoio da torcida, os 30 pontos que precisa para se livrar do rebaixamento.- Ano
passado estávamos numa situação parecida.

A torcida entendeu que o apoio
nos deixa mais fortes dentro de casa. Esperamos a vitória, é o nosso
objetivo.

Cruzeiro e Internacional se enfrentam às 21h (de Brasília), da próxima quinta-feira, no Independência, em Belo Horizonte.
.

Fonte: Globo Esporte