Sem treinador, eliminado das semifinais do Campeonato Mineiro e vivendo um clima de pressão, o Cruzeiro vivencia dias não tão tranquilos. A situação, é claro, chega aos jogadores, que entram pressionados por uma classificação contra o Campinense, nesta quinta-feira, pela primeira fase da Copa do Brasil, no Mineirão. – Não é um
momento de conforto, mas não tem nenhum problemão, a gente sabe que a pressão
vai existir, temos que tentar esquecer o externo, sabemos que é trabalho da diretoria,
que vai trazer um técnico.

E eles ão fazer o melhor. O treinamento foi bem feito,
vamos colocar em prática tudo o que o Delamore nos pediu.

Vamos respeitar o
Campinense, que vive momento bom, mas em campo vamos mostrar nossa força.A diretoria ainda procura um treinador que irá substituir Deivid, demitido há 10 dias.

A intenção é anunciar o nome até o fim desta semana para que o novo comandante possa iniciar os trabalhos antes do início do Campeonato Brasileiro.Para passar de fase na Copa do Brasil, o Cruzeiro precisa da vitória no tempo normal, por ter empatado o primeiro jogo por 0 a 0 em Campina Grande.

Empate com gols dá vaga ao Campinense, enquanto igualdade sem gols leva a decisão para os pênaltis.  
.

Fonte: Globo Esporte