Após contratar sete jogadores no início da temporada, a diretoria do Atlético-PR tem trabalhado para reduzir o elenco rubro-negro e esvaziar a prateleira de atletas que não estão sendo aproveitados no time principal.No começo do ano, o Furacão contava com 12 jogadores fora dos planos da diretoria. Passados três meses, 10 deles foram negociados, um foi reintegrado ao grupo e apenas o volante Paulinho Dias segue treinando em separado.

Segundo Fábio Baitler, empresário de Paulinho Dias, a intenção é que o jogador atue em um time da Série A no Campeonato Brasileiro deste ano. Ele acredita que o jogador ainda pode voltar a vestir a camisa do Furacão na atual temporada.

– A ideia é negociar para jogar o Campeonato Brasileiro. Por enquanto, não tem nada definido.

Mas, como eu disse, a intenção é que ele jogue pelo Atlético-PR ou por outra equipe a Série A do campeonato nacional. Ele tem vínculo com o Atlético-PR até 31 de dezembro deste ano e está à disposição do clube.

Caso contrário, vamos criar uma situação para ele jogar por outra equipe – analisou o empresário em contato com o GloboEsporte.com.

Nas últimas semanas, a diretoria do Furacão acertou a transferências de dois atletas do grupo rubro-negro. O meia-atacante Marcos Damasceno foi emprestado ao Sampaio Corrêa, e o meia Felipe foi negociado com o Ceará.

Além deles, quem mudou de status no clube foi o meia Pablo. De não aproveitado pelo antigo treinador Cristóvão Borges, o camisa 92 virou titular da equipe depois da chegada de Paulo Autuori ao clube.

Confira tambémClassificação e jogos do ParanaenseApático, Atlético-PR não passa no teste com reservas e tropeça fora de casaAutuori isenta reservas de avaliação e pede erros mínimos na próxima faseCom semana inédita no Atlético-PR, Autuori quer “tirar o máximo proveito”Antes deles, o clube já tinha selado os destinos de outros oito atletas com vínculo com o Atlético-PR. Pedro Oldoni deixou o CT do Caju e foi para o Al-Thaid, dos Emirados Árabes Unidos.

 O zagueiro Erwin, o volante Maycon Canário e o meia Willian Sotto, que já defenderam o sub-23, foram negociados com o Paranavaí, que disputou a divisão de acesso do campeonato estadual.O lateral-esquerdo Pedro Botelho deixou o time da Arena da Baixada e acertou com o Estoril-POR.

O meia Bady, que também estava fora dos planos da equipe, foi emprestado ao Figueirense. Outro meio-campista com contrato em vigor com o time paranaense é Carlos Alberto.

O jogador, atualmente, está emprestado ao Botafogo-SP. Além dele, o jovem volante Jonatan Lucca transferiu-se para o Pamoga Qu Puteh TRW, da Malásia.

Ao todo, o treinador do Furacão conta com 32 atletas no elenco profissional. Deles, apenas o goleiro Lucas Macanhan, os zagueiros Léo Pereira e Ricardo Silva, o volante argentino Fernando Barrientos e o atacante Mosquito, recém-chegado ao clube, ainda não atuaram na temporada com a camisa do Atlético-PR.

Confira mais notícias do esporte paranaense no globoesporte.com/parana
.

Fonte: Globo Esporte