O velho ditado já dizia que a primeira vez a gente não
esquece, e o gol marcado na tarde deste sábado na vitória de 2 a 1 sobre o
Flamengo-PI ficará para sempre na memória de Igor (veja os gols acima). Foi o gol do atacante do
Caiçara como profissional, justamente uma virada nos acréscimos que manteve o
time vivo na briga pelo rebaixamento.
– Nós corremos o tempo todo.

Infelizmente tomamos o gol no
primeiro tempo, mas graças a Deus nosso grupo teve maturidade, não abaixou a
cabeça e no finalzinho do jogo viramos. Foi um jogo de luta, à essa altura do
campeonato todos viam o Caiçara como rebaixado e graças a Deus veio a vitória
para nos manter vivos – comenta o atacante.

A vitória do time veio naquele que talvez seja o momento
mais complicado do Caiçara no campeonato. Durante a semana, a equipe teve uma debandada
de oito jogadores que deixaram o clube reclamando salários atrasados e falta de
condições.

Os que ficaram receberam o reforço de atletas da base, mas Igor
garante que este grupo permanecerá até o final.

 

– Apesar de todos os problemas nosso time é profissional.

Trabalhamos com profissionalismo e vamos até o final do campeonato – afirma o
jogador.
O próximo compromisso do Caiçara no campeonato é contra o
Cori-Sabbá, nesta quarta-feira, em Floriano.

Com oito pontos na classificação
geral, a equipe ainda tem chances, apesar de remotas, de escapar do
rebaixamento. O primeiro time fora da zona de descenso é o Parnahyba, que tem
16 pontos.

.

Fonte: Globo Esporte