VEJA MAIS:
X
X
Na época, o jogo valia a liderança do Brasileirão, e o Grêmio aproveitou a oportunidade. O Tricolor, com 28 pontos, um a mais que o Flamengo, vice-colocado. O Figueirense vinha de uma derrota para o Fluminense, em pleno Maracanã.

E os gaúchos vinham de uma vitória em cima do Cruzeiro, no estádio Olímpico.
Foto: Flávio NevesA noite mágica do time do Grêmio foi marcada por uma brilhante atuação dos atacantes.

A equipe gaúcha, que na época era treinada por Celso Roth, começou pressionado, marcando em cima, estavam “mordendo a bola”. A pressão surgiu efeito aos 17 minutos.

O lateral-direito Paulo Sérgio cruzou no segundo pau, William Magrão escorou de cabeça para o meio da área, Perea cabeçou e marcou o primeiro gol na partida: 1 a 0. Depois de nove jogos sem marcar, o atacante “desencantava”.

O segundo gol saiu logo aos 27 minutos. Tcheco, capitão do Grêmio, cobrou o escanteio e Perea marcava de novo: 2 a 0.

O Figueirense perdia o jogo e precisava dar uma resposta aos torcedores. Ainda no primeiro tempo o Figueira marcou o primeiro de pênalti com Cleiton Xavier, de paradinha, venceu o goleiro Vitor: 2 a 1 para o Tricolor.

Na volta do intervalo, Tcheco avançou pela esquerda de ataque do Grêmio, cruzou para área e achou Marcelo, que cabeceou firme para marcar o terceiro gol do jogo: 3 a 1. O quarto viria na sequência, novamente com o colombiano.

Em mais uma assistência de Paulo Sérgio, o atacante Perea se livrou da marcação e decretou a goleada: 4 a 1.
O atacante Marcel foi substituído para dar lugar a outro jogador ofensivo: Reinaldo.

O cara entrou na partida afim de participar da festa. Aos 24 minutos, Reinaldo, sozinho na área, fez o quinto gol: 5 a 1.

Pouco tempo depois, aos 35 minutos, ele marcou o seu segundo gol, depois de cruzamento de Makelele: 6 a 1.
Para fechar a conta, Reinaldo, numa atuação inspirada marcou o terceiro.

Três minutos depois de marcar o segundo, ele fez o sétimo: 7 a 1. O resultado foi o maior do Grêmio na história de campeonatos brasileiros.

Para relembrar o massacre Tricolor em cima dos catarinenses, assista ao (longo) vídeo abaixo:
FICHA TÉCNICA: FIGUEIRENSE 1X7 GRÊMIO
Campeonato Brasileiro 2008 – 14ª rodada
FIGUEIRENSE: Wilson; Asprilla, Bruno Aguiar, Leandro Eugênio; Magal, Diogo, Marquinho, Cleiton Xavier, Anderson Luiz; Tadeu e Rafel Coelho. TÉCNICO: PC Gusmão
Substituições: Magal (Leandro Carvalho), Diogo (Ramon) e Anderson Luiz (Wellington Amorim).

Gols: Cleiton Xavier.
GRÊMIO: Victor; Thiego, Jean, Pereira; Paulo Sérgio, Anderson Pico; Rafael Carioca, William Magrão, Tcheco; Perea e Marcel.

 TÉCNICO: Celso Roth
Substituições: Thiego (Makelele), Paulo Sérgio (Bruno Teles) e Marcelo (Reinaldo).
Gols: Marcel, Perea (3x) e Reinaldo (3x).

.

Fonte: Torcedores.com