O Parnahyba
voltou a perder fora de casa. Desta vez, para o Piauí, no Albertão, por 2 a 1.
A equipe do litoral começou na frente com Marcos Gasolina, mas cedeu a
virada em dois gols com erros de saída de bola da defesa.

A cara do elenco
azulino não foi a das mais agradáveis na saída de campo. O time sentiu o baque,
e o goleiro Fábio reclamou com o resultado.

 

– É muito mais uma falta de
atenção, acho que erramos na marcação. Devemos ficar mais atentos atrás, não
ser surpreendido assim.

Se continuar assim, claro que não vai dar certo.
Depende da gente, se continuar como foi hoje vamos não conseguir nos
classificar.

Erramos muito, se errar não vamos nos classificar. Vamos brigar
para ir às semifinais porque merecemos – comentou Fábio.

 

Marcos Gasolina
abriu o placar no Albertão aos 10 do segundo tempo. O time, porém, não teve
força para manter o resultado.

Com as entradas de Testinha e Robinho, o Piauí
cresceu. Na reta final, Moroni trocou Charles Chenko e Fabiano por Cassiano e Puxinha.

No abafa, o Azulino pressionou nos últimos minutos. + Com dois meses de salários atrasados, Piauí arranca virada e lideraSem somar pontos na rodada, o Parnahyba ainda faz mais três jogos
(Picos – em casa, Caiçara – fora e Flamengo – fora).

O Tubarão se
manteve na terceira colocação do returno, com seis pontos somados, mas pode
perder a posição em caso de vitória do River-PI na rodada. Fábio disse que a
derrota vai dificultar o caminho do Tubarão.

 

– Tínhamos
conversado para entrarmos ligado nesse jogo. Realmente fomos surpreendidos pela
virada do Piauí, mas é continuar trabalhando.

Faltam três jogos ainda para
terminar a fase e vamos buscar a classificação. A derrota traz dificuldade para
a gente, mas só depende da gente.

 

O Parnahyba joga
na quarta-feira pela Copa do Brasil. O time pega a Portuguesa, às 19h30, no
Pedro Alelaf.

.

Fonte: Globo Esporte