Elogios ao Flu de FeiraApós poupar alguns jogadores no triunfo contra o Globo FC, pela Copa do Brasil, na última quarta-feira, Doriva utilizará força máxima para o jogo contra o Fluminense de Feira, neste sábado, em Pituaçu, pelas semifinais do Campeonato Baiano. Nesta sexta-feira, antes do treino, o treinador concedeu entrevista e confirmou o retorno de jogadores que não foram aproveitados no meio da semana, entre eles o lateral-esquerdo João Paulo Gomes.- Dei um descanso para o João Paulo Gomes.

Ele volta nesse jogo, vai jogar esse jogo. O Moisés vai ficar como opção, mas é aquela opção que você sabe que pode contar.

Ele fez um grande jogo, assim como o João Paulo “Primeiro”, digamos assim, porque também fez um grande jogo na linha da frente, que me deu um parâmetro maior, saber que tenho um jogador que joga ali, dá uma cadência para a equipe, dá uma qualidade de passe, uma experiência. Acho que estamos bem servidos na lateral esquerda, independente daquele que inicia a partida.

Sempre saliento com eles que a nossa equipe não tem banco de reservas e, sim, banco de reforços. Todos estão incluídos no time e têm dado sua contribuição quando são chamados a jogar – comentou o treinador.

Para Doriva, é importante ter um time forte em campo para enfrentar o Fluminense de Feira. O treinador tem o respaldo do departamento médico tricolor para utilizar os atletas, embora o time enfrente uma maratona de jogos.

Até o momento, o Bahia disputou 18 partidas oficiais em 2016, uma média de aproximadamente dois jogos por semana desde o fim da pré-temporada, em janeiro.- Já tivemos um feedback do departamento médico.

Vamos contar com força máxima. É um jogo de semifinal.

A gente teve oportunidade de dar um refresco para certos atletas no meio da semana, no jogo da Copa do Brasil. Agora é força máxima, porque se trata de um jogo decisivo, importantíssimo para as nossas pretensões.

Um jogo que, apesar de serem 180 minutos, não se decide nesse primeiro jogo, mas um bom resultado nesse primeiro jogo pode te encaminhar bastante a classificação. E o nosso objetivo é chegar à final.

Então é força máxima – declarou.A decisão de escalar o que tem de melhor à disposição não inclui o volante Danilo Pires.

Após um mês em recuperação de uma lesão, o atleta voltou a jogar na última quarta-feira, no segundo tempo do jogo contra o Globo. Doriva prega cautela com a situação do jogador.

– Neste momento, ele não volta. Ele vai voltar gradativamente, até porque é um jogador que ficou muito tempo parado.

Teve uma “recaída” no meio disso tudo, ele sentiu de novo. Ainda não está com um ritmo forte.

Então a gente precisa ter cautela com ele. Mas é um jogador importante, que aumenta o nosso leque de opções durante o jogo.

01Elogios ao Flu de FeiraDoriva admite que ainda não teve tempo para analisar o Fluminense de Feira. Ele tem por base os trabalhos feitos por Arnaldo Lira, técnico do Touro do Sertão, e o histórico do time no Campeonato Baiano.

Pela primeira fase do estadual, o Tricolor de Feira de Santana venceu o Vitória por 1 a 0, em Pituaçu.- A gente, como sempre, não tem tanto tempo assim para estudar os adversários.

A gente sabe do trabalho do Lira, que sempre fez boas equipes, acho que até já foi campeão estadual. A gente respeita muito a equipe do Fluminense, a gente sabe que tem bons jogadores, jogadores rápidos, é uma equipe que transita rápido da defesa para o ataque, é comprometida.

Portanto, a gente tem que estar muito comprometido, focado, fazer um grande jogo, para conseguir iniciar bem essa classificação.Saiba mais:Fique por dentro das notícias do esporte baianoClique aqui e assista a vídeos do Bahia
.

Fonte: Globo Esporte