O técnico Ricardo Drubscky não quis confirmar, mas indicou que já tem praticamente certa a escalação do Tupi-MG para o confronto com a Caldense, no domingo, às 16h, no Mário Helênio. Nesta sexta-feira, no mesmo local, o treinador reservou a primeira parte do treinamento para observar a provável equipe titular: a mesma que atuou na atividade de quinta-feira. Desta forma, a única modificação em relação ao time que venceu o Tricordiano deverá ser o retorno de Rafael Jataí, que volta, no lugar de Recife, depois de cumprir suspensão.

Drubscky justificou a decisão argumentando que o momento do Tupi-MG não permite observações, e que por isso é necessário escalar força máxima. O Galo Carijó ainda corre pequeno risco de rebaixamento.

– A gente vai definir a equipe só mesmo momentos antes do jogo, mas a tendência é essa (manter a base). Eu até gostaria de ter uma folga para testar, mas não podemos abrir mão de ter que colocar o que temos de mais forte dentro das nossas convicções atuais – explicou o treinador.

O comandante deverá contar com duas novidades na relação de jogadores para o duelo diante da Veterana. O atacante Romário está à disposição, assim como o zagueiro Hélder.

Ambos ficarão no banco de reservas.- Ali na zaga eu não tenho dúvida, vou começar com o Fabrício.

O Hélder está vindo muito bem, mas ficou sete ou oito dias parado, e para esse jogo o Fabrício é o que tem de mais inteiro, mais positivo – justificou Ricardo Drubscky.Para o jogo contra a Caldense, o Tupi-MG deverá atuar com Glaysson; Osmar, Sidimar, Fabrício Soares e Thiaguinho; Felipe Alves e Rafael Jataí; Michel Henrique, Willian Kozlowski e Hiroshi; Rubens.

.

Fonte: Globo Esporte