Pareciam até outros times. Do jogo de ida, feio e duro de assistir, nada se viu nesta noite. Em uma partida completamente diferente do primeiro duelo, Bahia e Globo FC fizeram um segundo confronto muito mais movimentado, com direito a gol relâmpago e pintura de muito longe, na Arena Fonte Nova, em Salvador, pela Copa do Brasil.

Melhor e mais eficiente na partida, o Tricolor venceu a Águia de Ceará-Mirim por 3 a 1 e avançou na competição. Os gols da partida foram marcados por Éder, que balançou as redes antes dos dois minutos de jogo, Zé Roberto e Edigar Junio, para o Bahia.

Rivaldo, em chute de muito longe por cobertura, foi responsável pelo gol do Globo FC. Com o triunfo nesta noite, o Bahia aguarda agora o vencedor de América-MG x RB Brasil na segunda fase da Copa do Brasil.

Quanto aos próximos jogos, o Bahia não terá muito tempo para comemorar e volta a campo neste sábado, quando irá enfrentar o Fluminense de Feira, n primeiro jogo das semifinais do Campeonato Baiano. Um dia depois é a vez do Globo FC jogar, desta vez contra o América-RN, pelo Campeonato Potiguar.

Saiba mais:Confira como foi o Tempo Real da partidaVeja a classificação da Copa do BrasilDo gol relâmpago à pinturaDepois do primeiro jogo truncado, quem esperou o mesmo panorama na partida desta noite se enganou logo cedo. Antes dos dois minutos de jogo, Éder aproveitou cruzamento perfeito de Rômulo e abriu o placar.

Foi o primeiro gol do zagueiro como jogador profissional. Daí em diante, as equipes sentiram dificuldade para criar jogadas até que Rivaldo, em um raro chute de muito longe, fez um golaço de cobertura em Marcelo Lomba, que estava adiantado.

O Bahia então respondeu imediatamente e, na jogada seguinte, voltou a ficar à frente do placar com o gol de cabeça de Zé Roberto. Depois dos três gols, as equipes seguiram no ataque e criaram outras oportunidades, que, desta vez, não foram convertidas.

Do lado Tricolor, as principais estiveram nos pés de Rômulo, que também tentou fazer de cobertura de longe, e na cabeça de Robson, em nova bola na área da Águia. Para o Globo FC, as grandes chances foram de Romarinho, em chute após jogada individual, e na cabeçada na trave de Vavá, Bahia aperta, mas perde golsO Bahia voltou mais ligado na etapa final e decidido a ampliar o placar para garantir a classificação.

Antes dos 20 minutos do segundo tempo, o Tricolor teve, pelo menos, quatro grandes chances de marcar. Com um minuto, Hayner chutou cruzado e obrigou Rafael a fazer grande defesa.

Aos nove, João Paulo ajeitou bonito e chutou forte de fora da área. A melhor oportunidade, contudo, foi aos 17 minutos, quando Rômulo recebeu lançamento livre na pequena área, mas mandou por cima.

Atrás no placar, o Globo FC adotou como estratégia trazer o Bahia para o seu campo de defesa para tentar sair no contra-ataque e surpreender. A tática, porém, não deu muito certo.

A Águia de Ceará-Mirim teimou em errar passes e pouco assustou. Por outro lado, de tanto insistir, o Bahia, enfim, ampliou o placar com Edigar Junio, após grande jogada de Juninho.

.

Fonte: Globo Esporte