Uma campanha quase impecável em casa vem fazendo o Voltaço sonhar alto no Campeonato Carioca. Em quarto lugar na Taça Guanabara, com seis pontos, é o único “pequeno” na zona de classificação para as semifinais. Mas para se manter no G4, precisa superar um jejum: o time ainda não sabe o que é vencer longe de Volta Redonda.

 No Raulino de Oliveira, desde o início do Estadual, foram 16 pontos conquistados em 18 possíveis. Mas em jogos fora de casa a história é outra, com três empates e três derrotas.

— Venho percebendo que o time está entrando um pouco disperso nas
partidas fora de casa e espera tomar o gol para acordar. Diferente do
que está acontecendo nas partidas no Raulino, quando entramos ligados
desde o primeiro minuto.

Então, acredito que precisamos aumentar a
concentração para não cometermos esses erros que estão nos custaram
pontos importantes – disse o treinador, Felipe Surian.O próximo desafio é neste domingo, também fora de casa, contra uma pedreira: o adversário é o Vasco, líder e único invicto no campeonato.

Com rivais na cola, um bom resultado em São Januário é fundamental para as pretensões da equipe nesta reta final.— No primeiro turno fizemos uma boa partida contra o Vasco, impondo o
nosso ritmo de jogo e criando boas chances de marcar, porém, fomos
prejudicados por um erro do bandeirinha, que marcou um pênalti
inexistente, e acabamos perdendo o jogo.

O Vasco é a melhor equipe da
competição, está invicta e sabemos que, para conseguirmos um resultado
positivo, não podemos errar e manter a concentração os 90 minutos – acrescentou Surian.Na sequência, o Voltaço jogará pela última vez como mandante, contra o Fluminense.

As lembranças são boas: na primeira fase do Estadual, o Tricolor de Aço venceu o das Laranjeiras por 3 a 1, explorando os erros do adversário e encaixando bons contra-ataques.— Estamos invictos em casa e estamos lutando para manter esse
retrospecto.

Na primeira fase, vencemos o Fluminense em um jogo
impecável de toda a equipe, mas aquela partida já passou. O Fluminense
vem em grande evolução e sabemos que teremos uma partida complicada pela
frente, mas estamos brigando pela classificação e vencer em casa é
primordial para chegar entre os quatro primeiros.

+ Confira a classificação completa do Campeonato CariocaAlém do excelente retrospecto em casa, o Voltaço tem o artilheiro do Carioca, Tiago Amaral, que já balançou as redes 9 vezes. Há dois jogos sem marcar, o atacante está motivado para manter o time nos trilhos do G4 e o nome dele no topo da lista de goleadores.

— Claro que atacante quer sempre marcar gol todo jogo, mas estou muito tranquilo em relação a isso. Venho ajudando a equipe nas partidas, atendendo as questões táticas impostas pelo professor Surian e sei que a bola vai voltar a entrar.

Vou continuar trabalhando forte para que quando aparecer a oportunidade eu possa estar preparado para marcar – prometeu Tiago Amaral.O Volta Redonda encara o Vasco às 16h deste domingo, em São Januário, pela quinta rodada da Taça Guanabara.

Além da briga para ir às semifinais, o Tricolor de Aço também busca uma vaga na Série D do Brasileirão. Para isso, precisa terminar o Carioca na frente de Boavista e Bangu.

.

Fonte: Globo Esporte