Guerrero está em Brasília. O atacante, que participou da derrota do Peru para o Uruguai na última terça-feira, tinha chegada prevista para as 10h desta quarta-feira, mas o voo atrasou cerca de uma hora e meia. Quem é carta fora do baralho e sequer viajou é o volante Cuéllar.

Ele atuou na vitória da Colômbia sobre o Equador por 3 a 1, mas sua ausência já era dada como certa, em função da dificuldade de logística.Ao chegar no hotel em que a delegação rubro-negra está hospedada, o atacante foi recebido por um grupo de torcedores.

Perguntado se jogaria a partida, Guerrero confirmou em espanhol: “Sí, sí”. A comissão médica do Flamengo ainda vai avaliar o desgaste do jogador após jogo e a viagem antes de confirmar oficialmente a presença do camisa 9 da Gávea contra o Vasco.

Quinto e fora da zona de classificação para as semifinais do Carioca, o Flamengo tem 4 pontos. Uma vitória no clássico pode dar a vice-liderança ao clube, dependendo dos resultados da rodada.

Flamengo e Vasco jogam em Brasília nesta quarta-feira às 21h45 (horário local), em partida válida pela 4ª rodada da Taça Guanabara.
.

Fonte: Globo Esporte