O atacante Paolo Guerrero entrou para a história nesta quinta-feira ao se tornar o maior artilheiro da história da seleção peruana com 27 gols. O jogador do Flamengo marcou um gol no empate em 2 a 2 com a Venezuela, em jogo válido pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia. Com isso, superou a lenda peruana Teófilo Cubillas.

Guerrero marcou o gol histórico no segundo tempo da partida. Quando o relógio apontava 15 minutos de jogo, o Peru perdia por 2 a 0 para a Venezuela.

O atacante recebeu na entrada da área e bateu para o gol. Ainda contou com a ajuda do goleiro Baroja, que falhou.

 No último minuto, Raul Ruidiaz estufou a rede e deixou tudo igual.Apesar do feito de Guerrero, a seleção peruana se complicou nas Eliminatórias.

Por conta do tropeço em casa, soma apenas quatro pontos e ocupa a oitava colocação. A Venezuela, rival desta quinta-feira, está na lanterna.

Após a partida, o técnico do Peru, Ricardo Gareca, se limitou a comentar sobre sua equipe. Lamentou o tropeço, disse que o time precisa tirar lições e pediu uma rápida reação na competição.

– Foi uma partida em que começamos bem, logo se tornou mais
equilibrada e a Venezuela criou problemas. O segundo tempo foi todo do Peru, e
o empate foi o resultado mais justo pelo desempenho do jogo.

Não estou
satisfeito com o resultado, mas não merecíamos perder – disse o treinador em
coletiva de imprensa.A seleção peruana volta aos gramados pelas Eliminatórias para a Copa na próxima terça-feira.

Desta vez, a equipe de Paolo Guerrero atuará fora de casa, diante do Uruguai de Luis Suárez.
.

Fonte: Globo Esporte