Gianni Infantino desembarcou nesta segunda-feira em Luque, no Paraguai, para a primeira visita à Conmebol desde que assumiu a presidência da Fifa. Após reunião com Alejandro Domínguez, presidente da confederação sul-americana, o suíço participou de uma entrevista coletiva e, dentre outros temas, destacou o futebol brasileiro.Infantino fez questão de reconhecer a importância do Brasil no cenário mundial do futebol.

Ciente das recentes polêmicas na Confederação Brasil de Futebol (CBF), o presidente se mostrou disposto a ajudar o país na retomada do prestígio. – A CBF é uma
confederação que tem tido problemas, mas eles estão tentando trabalhar com mais
transparência.

O Brasil é pentacampeão mundial. Quando se fala de futebol, se
fala do Brasil.

Estou aqui para ajudar. A visita de Infantino ao “coração do futebol”, como denomina o continente sul-americano, continua nesta terça-feira.

Do Paraguai o presidente vai ao Uruguai e ainda tem Bolívia e Colômbia como destinos. De acordo com o mesmo, o investimento previsto para a mudança no futebol mundial é de mais de US$ 1,4 milhões (R$ 5,1 milhões).

– A Conmebol é
o lar da lenda do futebol mundial. A América do Sul é o coração do futebol.

Claro
que temos muito trabalho a fazer, a mudança é real. Fifa e Conmebol passaram
por tempos muito difíceis, mas agora vamos trabalhar porque o futebol vale a
pena.

Estamos convencidos que podemos fazer grandes coisas, mais de US$ 1,4 milhões serão investidos para o desenvolvimento do futebol. 
.

Fonte: Globo Esporte