O Fluminense realizou na manhã desta terça-feira um rápido treinamento em que o técnico Levir Culpi fez os últimos ajustes na equipe para a estreia na Copa do Brasil, quarta, às 21h45, contra o Tombense, em Muriaé. O técnico Levir Culpi confirmou que vai com sua força máxima, e o objetivo é vencer a partida por ao menos dois gols de diferença para eliminar o jogo da volta e ganhar um alívio no calendário.Na atividade desta terça, o lateral Jonathan foi poupado do trabalho no campo e ficou na academia para uma atividade à parte.

Levir, no entanto, avisou que conta com ele para jogo desta quarta. Desta forma, o Flu deve entrar em campo com Diego Cavalieri, Jonathan, Gum, Henrique e Wellington Silva; Pierre, Cícero, Gustavo Scarpa, Gerson e Marcos Junior; Fred.

– Será normal (a escalação). Apenas prevenção do Jonathan, que não vinha jogando regularmente.

Vamos dar um espaço de descanso maior. A previsão é de que ele jogue – afirmou o treinador.

Apesar do discurso de respeito ao Tombense, Levir está confiante de que o Tricolor tem boas chances de eliminar o jogo da volta. Para isso, precisa encarar o duelo com a seriedade necessária.

 Tenho confiança. Não podemos deixar de ter: há chance de eliminar o jogo
de volta.

Tem de fazer dois gols de diferença, não é fácil. Não tem
nenhum time ruim no campeonato.

Tem de merecer- Tenho confiança. Não podemos deixar de ter: há chance de eliminar o jogo de volta.

Tem de fazer dois gols de diferença, não é fácil. Não tem nenhum time ruim no campeonato.

Tem de merecer. Se a gente fizer o que estamos conversando e fazendo, há possibilidade boa.

Depende da nossa produtividade – analisou.O Tombense não vive uma boa fase.

Está em antepenúltimo lugar no Campeonato Mineiro e luta contra o rebaixamento. Domingo, a equipe enfrenta o Uberlândia e decide sua permanência ou não na Primeira Divisão.

Por isso, ainda existe a dúvida se vai ou não com todos os seus titulares para o duelo com o Flu. Apesar disso, Levir Culpi, que se acostumou a enfrentar o Tombense quando comandava o Atlético-MG, quer seu time em estado de alerta para evitar uma zebra.

– É um time de investimento. Empresários são donos.

..

não é um time que tenha aquela alma de torcida. Mas é um bom time.

Vai procurar fazer o melhor. Encaro dessa maneira.

Não dá para descuidar. A Copa do Brasil é um campeonato perigoso, pode ser decidido em um jogo.

Se estiver iluminado no momento, as coisas mudam. Um jogo pode mudar tudo.

O adversário vai vir motivado, é o Fluminense, é uma competição nacional. É como se fosse um clássico para eles – finalizou.

A delegação do Fluminense segue para Muriaé nesta terça, após o treinamento da manhã. O trajeto de cerca de 300km será feito de ônibus.

 
.

Fonte: Globo Esporte