O técnico Mazola Júnior gostou do desempenho do CRB no confronto com o
Sport. Ele montou o time para jogar por uma bola, e ela não entrou. A classificação também não veio neste sábado, mas o treinador destacou a obediência tática da
equipe na Ilha do Retiro.

O Galo perdeu por 1 a 0, gol de Renê, no segundo tempo, e o Leão
garantiu vaga nas semifinais do Nordestão. – Houve um encaixe tático perfeito.

Encaixou. No momento em que o Sport
estava caindo, com finalizações de Lúcio e Luidy, sofremos o gol.

Eu só via ali no campo
uma bola parada para o Sport. Diego Souza foi feliz numa jogada individual, desequilibrou.

Bocão não
acompanhou o Renê e, numa dobra ali em cima do Marcos, eles fizeram o
gol. Fica a mensagem para a torcida: se nós estivermos juntos, dificilmente o CRB vai
ser batido.

Com certeza, com a evolução do grupo, a gente vai buscar os
objetivos no ano – disse Mazola.De acordo com Mazola, o elenco ainda vai evoluir até a reta final do Campeonato Alagoano e antes do início da Série B do Brasileiro.

– Estamos definindo um grupo de trabalho para esse primeiro semestre. E
estamos tentando colocar em forma jogadores importantes que não estão
nessa forma – comentou o treinador, que ainda espera a evolução física do meia Marcos Aurélio, estreante deste sábado.

Mazola avisou que não vai poupar o elenco na Copa do Brasil. Quarta, o Galo vai jogar fora de casa contra o Ivinhema, às 21h45, em Mato Grosso do Sul.

O treinador lembrou na coletiva que o CRB pode pegar o Vasco na segunda fase e a competição nacional tem muita importância, técnica e também financeira.
.

Fonte: Globo Esporte