experiência no bancoas possibilidadesO estádio Altos da Glória será palco de uma final. É assim que o técnico do Glória caracteriza a partida de domingo, diante do Inter, em Vacaria. Correndo risco de ser rebaixado logo no primeiro ano de sua volta à elite do futebol gaúcho, o Leão precisa vencer para não depender de outros resultados.

LEIA MAIS> Confira a tabela do Campeonato Gaúcho> Simule os resultados da última rodada do Gauchão> Veja as chances de cada clube na última rodadaO problema é que as circunstâncias não são as mais favoráveis. Do outro lado estará um Colorado embalado com duas vitórias seguidas depois de críticas da torcida e busca uma colocação mais condizente com sua grandeza.

Somando apenas 11 pontos, o Glória não vence desde 13 de março, quando bateu o Ypiranga-RS por 2 a 0. De lá para cá, vieram dois empates e uma derrota.

Logo abaixo, estão Lajeadense e Cruzeiro-RS, com 10 pontos. Quem vencer pode deixar o time de Rodrigo Bandeira para trás.

– A gente está se preparando bem. Vimos o jogo do Inter ontem (quinta-feira) e vamos trabalhar algumas questões que achamos importantes em relação ao adversário.

É uma final para nos mantermos na primeira divisão. Não queremos depender de ninguém.

Sabemos que não será fácil, mas já ganharam do Inter nesse campeonato – comenta Bandeira ao GloboEsporte.com.

O treinador assumiu o time na sétima rodada, depois da saída de Clemer. Na estreia, pegou o Grêmio na Arena e perdeu por 4 a 2.

Bandeira lembra que o Glória empatava a partida até que, aos 43 do segundo tempo, Henrique Almeida pegou uma sobra de bola na intermediária e acertou um belo chute para fazer o terceiro gol gremista.– Houve outras situações em que poderíamos ter tido melhor sorte nesse Gauchão.

Contra o Lajeadense, perdemos um pênalti quando poderíamos ter aberto o placar. Contra o Juventude, sofremos o gol de empate no último minuto – destaca Bandeira.

 01experiência no bancoAos 39 anos, o experiente centroavante Alê Menezes tenta passar tranquilidade aos companheiros. Recuperado de uma cirurgia para reconstituição do ligamento cruzado do joelho esquerdo, o jogador voltou a ser relacionado na nona rodada.

– Já passei por situações semelhantes a essa de domingo. Não adiante se apavorar.

Vamos pegar um time que é favorito, mas temos que jogar pela vitória. Vai ser uma guerra, no bom sentido – projeta o atleta ao GloboEsporte.

com.Parado havia quase nove meses, Menezes não entrou na vitória de 2 a 0 sobre o Ypiranga-RS.

O atacante só voltou mesmo diante do Juventude, quando atuou por 20 minutos no empate em 3 a 3. Na última rodada, Alê Menezes jogou mais 25 minutos no Passo D’Areia, contra o São José-RS, e fez o gol do Glória na derrota por 2 a 1.

– Estou faceiro por voltar. Só que a equipe não precisa só de mim, mas de todos.

Fazer um gol me deixou muito contente. Domingo é o nosso último jogo e temos que pensar no clube primeiro – reforça.

01as possibilidadesApenas um ponto separa o Glória de Lajeadense e Cruzeiro-RS – os dois times que ainda podem escapar do rebaixamento. Se o time de Vacaria vencer, não correrá qualquer risco de voltar à Divisão de Acesso.

Se perder ou empatar, tem de secar os rivais. Dois fatores podem beneficiar o Glória: Lajeadense e Cruzeiro-RS jogam fora de casa e seus adversários (Ypiranga-RS e Veranópolis, respectivamente) precisam vencer para se garantir entre os oito classificados para as quartas de final.

Confira todas as notícias do esporte gaúcho em www.globoesporte.

com/rs
.

Fonte: Globo Esporte