Falcão pediu e a torcida do Sport atendeu. Lotou a Ilha do Retiro neste sábado e, na base do sufoco, viu o seu time vencer o CRB por 1 a 0 e avançar para as semifinais da Copa do Nordeste. Depois de perder por 2 a 1 no Rei Pelé, o Leão tentou pressionar o Galo desde o início, mas só na reta final do segundo tempo conseguiu marcar o gol que garantiu a classificação, com o lateral-esquerdo Renê.

Agora, os pernambucanos esperam o vencedor de Salgueiro e Campinense para saber quem enfrentarão na próxima fase. Os paraibanos venceram o primeiro confronto por 2 a 0 e fazem o jogo final neste domingo.

 Sport e CRB agora voltam suas atenções para a Copa do Brasil. Os dois jogam na quarta-feira.

O Leão vai até Goiânia enfrentar o Aparecidense-GO, enquanto o Galo joga contra o Ivinhema-MS, no Mato Grosso do Sul. Precisando do resultado, o Sport entrou em campo com uma formação ofensiva.

Túlio de Melo e Vinícius Araújo foram escalados para jogar juntos, com o segundo na ponta esquerda, mas na prática a tática não se mostrou eficiente em campo. Empurrados pelos torcedores, os rubro-negros tiveram mais posse de bola, mas pouco assustaram o goleiro Juliano.

Durval, logo aos dois minutos, em uma cobrança de falta, fez o arqueiro do CRB praticar a única defesa do primeiro tempo. Diego Souza tentou duas vezes de cabeça, mas errou a mira, assim como Vinícius Araújo, que também não conseguiu finalizar no gol.

O CRB marcou bem e chegou com perigo nos contra-ataques, mas também não obrigou Danilo Fernandes a trabalhar.O segundo tempo começou com um panorama muito parecido com o do primeiro.

O Sport seguiu tentando pressionar, mas esbarrando nas boa defesa do CRB. Vinícius Araújo teve uma grande chance aos 13 minutos, mas novamente errou a mira.

O Galo contra-atacou bem com Luidy, que por duas vezes levou perigo ao gol de Danilo Fernandes. Sem tanta qualidade ofensiva, o Sport chegou na base da insistência.

Aos 28 minutos, Diego Souza levantou a bola na área e Vinícius Araújo deixou para Renê, que ficou na frente do goleiro e tocou fraquinho para fazer o gol. O lance mudou o jogo e fez com que o alagoanos se lançassem ao ataque e os pernambucanos esperassem os contra-ataques.

O CRB tentou com Neto Baiano e Lúcio Maranhão, mas sem eficiência. O Sport ainda quase ampliou com Diego Souza e Ronaldo, mas garantiu o 1 a 0 e a sequência no Nordestão.

 
.

Fonte: Globo Esporte