Investimento alto no futebol e a mira longe, no título brasileiro. Esta era a plataforma inicial do Flamengo em 2016. No caminho, percalços, tropeços, desconfianças.

..

e a eliminação na Primeira Liga. Em sexto lugar na tabela, o time de Muricy Ramalho entra em campo pressionado, sem pensar sequer em empatar para seguir com chances de classificação para a semifinal.

Do outro lado, o Boavista, que tem os mesmos seis pontos do Flamengo, mas está na frente da tabela, quer estragar os planos do rubro-negro. Os dois times se enfrentam às 16h no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.

É o segundo encontro das equipes neste Campeonato Carioca. Na estreia das duas equipes, ficou tudo igual.

Guerrero abriu o placar com um golaço, mas Leandrão, centroavante emprestado pelo Vasco, o jogo no fim. O técnico Muricy Ramalho tem a volta do argentino Mancuello ao time.

Considerado ponto de equilíbrio do meio de campo, o jogador volta em nova formação, agora num 4-4-2 remodelado pelo treinador do Flamengo.  Os dois times estão a um ponto da zona de classificação e precisam da vitória, mas também torcem por tropeço de adversários diretos, como o Volta Redonda (sete pontos) e Botafogo (oito).

 A derrota para o Bangu na última rodada comprometeu todo o planejamento do clube para chegar às semifinais do Carioca. Afinal, na quinta posição na tabela, o time de Bacaxá precisa agora obrigatoriamente somar pontos nestas duas últimas rodadas diante de Flamengo e Botafogo para seguir sonhando com a classificação.

Para a partida deste sábado, o técnico Rodrigo Beckham contará com o retorno do zagueiro Anderson Luiz, que irá fazer a sua primeira partida nesta segunda fase do estadual após um mês afastado por conta de uma lesão no joelho esquerdo. Ele substitui Victor, suspenso.

No banco, experiente atacante Marcelo Nicácio é a grande novidade. Ele rompeu o ligamento do joelho no fim do mês de janeiro e ainda não entrou em campo pelo Verdão na temporada.

Flamengo: o técnico Muricy Ramalho mantém o 4-4-2 que usou no início do clássico com o Botafogo. Ele tem o retorno de Mancuello.

Sheik e Ederson ficam na reserva. O time deve entrar em campo com  Paulo Victor, Rodinei, Wallace, Juan e Jorge; Cuéllar, Arão, Mancuello e Alan Patrick; Cirino e Guerrero.

Boavista: com Victor suspenso, Rodrigo Beckham vai promover a entrada de Anderson Luiz no time titular. No mais, a tendência é que o técnico aposte na mesma base que perdeu para o Bangu na última rodada, com Vinicius, Léo Cunha, Anderson Luiz, Luiz Alberto, Davi; Douglas Pedroso, Júlio Cesar, Romarinho, Reinaldo; Mateus Paraná e Leandrão.

Flamengo: Thiago Santos, Nixon e Everton seguem fora da equipe. Boavista: Victor, suspenso.

Flamengo: Juan e Cuéllar. Boavista: Mateus Paraná, Leandrão, Reinaldo, Thiaguinho e Thiaguinho Silva.

.

Fonte: Globo Esporte