Com a classificação para as semifinais do Campeonato Gaúcho, conquistada com a vitória de 1 a 0 sobre o Novo Hamburgo (confira no vídeo acima), no sábado, o técnico do São José-RS, China Balbino, exaltou o feito dos jogadores. Para ele, o triunfo é mais um marco de sua campanha exitosa à frente da equipe, que mantém boa parte dos atletas da temporada passada.- Sempre encaramos os jogos com seriedade.

Conseguimos a classificação entre os quatro melhores do Gauchão e entramos para a história do São José-RS. Agradeço a todos – disse na saída de campo.

LEIA MAIS> São José-RS vence o Noia e está nas semifinais> Conheça os segredos da sensação do campeonatoChina assumiu o Zequinha em meio à temporada de 2015. De cara, ganhou os títulos da Copa Valmir Louruz e da Super Copa Gaúcha.

Com os três pontos deste fim de semana, já garantiu a melhor campanha entre os pequenos, o que pode lhe valer o título de campeão do Interior – distinção entregue à equipe que soma mais pontos mas fica fora da final, com exceção da dupla Gre-Nal. O rendimento de China no São José-RS é excelente.

Até agora, o time só sofreu uma única derrota sob seu comando. Na décima rodada, o time foi batido pelo Veranópolis, no Passo D’Areia, por 2 a 1.

– Tínhamos que ser regulares o tempo todo. Quando perdemos para o VEC, dentro de casa, todo mundo esperava que fôssemos cair de produção.

Mas conseguimos um empate contra o Brasil de Pelotas, lá no Bento Freitas, uma vitória sobre o Glória e um resultado histórico em Rio Grande (5 a 1 sobre o São Paulo-RS). Para o treinador, o sucesso do trabalho é fruto da capacidade dos jogadores de fazerem a “parte ruim do jogo”: marcar.

E esse espírito aguerrido começa com os atacantes, o que reflete no bom desempenho da defesa, a menos vazada do torneio, com apenas sete gols sofridos em 14 partidas.- Todos estão dispostos a marcar, se doando, se comprometendo com os companheiros de trabalho.

Nosso sistema ofensivo já neutraliza lá na frente. Quando estamos com a bola, todos têm qualidade para trabalhar com ela.

Temos o artilheiro (Heliardo, com oito gols), mas ressaltamos que ele não é o artilheiro sozinho. Tem pessoas que passam a bola para ele – explica.

O São José-RS aguarda o vencedor da partida entre Inter e São Paulo-RS, neste domingo, para saber quem será seu adversário nas semifinais. Por ter melhor campanha que ambos, o Zequinha será o mandante da segunda partida.

Confira todas as notícias do esporte gaúcho em www.globoesporte.

com/rs
.

Fonte: Globo Esporte