Polêmica. Assim pode ser resumida a arbitragem do Clássico da Paz do último domingo. O Itabaiana vencia o Sergipe por 1 a 0 quando o time rubro ganhou a chance do empate com um pênalti, que gerou muitas discussões, dentro e fora de campo.

A equipe alvirrubra empatou e logo depois o Tricolor da Serra marcava o segundo, mas a arbitragem invalidou, sinalizando impedimento de um atleta do Tremendão. Diante de todos os fatos, o técnico Leandro Campos fez uma detalhada análise sobre toda essa polêmica.

  – Por tudo que aconteceu ontem, principalmente com relação à arbitragem, eu não considerei o empate justo. Mesmo porque o árbitro teve erros capitais: Um pênalti que não existiu, um gol invalidado, um gol lícito e, naturalmente, faltas.

Ele, realmente, fez uma arbitragem calamitosa. De qualquer forma, é lógico que nós temos que ter cuidado ao falar de arbitragem, mas eu quero entender, porque até agora estou entender, qual foi o motivo do árbitro tomar aqueles procedimentos de ontem, aquela postura que ele teve no jogo.

Inclusive o árbitro foi contestado não pelo treinador do Itabaiana, foi contestado pelas cinco mil pessoas que estavam no estádio. Foi contestado por, praticamente, toda a imprensa que estava cobrindo esse jogo.

Então, não foi uma coisa simples, não foram simples erros de arbitragem, foi realmente uma arbitragem tendenciosa, que não premiou a equipe esteve melhor em campo, que criou mais situações, que fez os gols e que merecia ter vencido o jogo. Infelizmente, nesses 40 anos de futebol que eu tenho, nunca tinha visto uma arbitragem da forma que foi ontem.

Nada contra a equipe do Sergipe, até porque é uma boa equipe, mas o árbitro estava fora uma normalidade, tentando levar o jogo a uma situação que não era verdadeira, o resultado do jogo foi um resultado mentiroso por questão da postura da arbitragem e dos auxiliares dele. São pontos que não vamos recuperar mais.

Eu acredito que a própria direção do clube vai tomar providências em relação ao acontecido de ontem, porque isso não pode passar em branco. O futebol não permite mais esse tipo de situação.

Eu não sei de quem era o interesse em relação ao resultado do jogo, não quero me precipitar em uma coisa que não tenho real conhecimento, porém foi muito sinistro, né? Foi muito tendenciosa a arbitragem para fazer com que o Itabaiana não vencesse o jogo. É um caso que tem que ser muito bem analisado, desenrolado, inclusive me parece que a diretoria vai pedir o videotape do jogo e vai representar junto à Federação Sergipana de Futebol, porque não pode um clube como o Itabaiana, um clube sério, de profissionais sérios, onde existe o investimento para que o clube possa buscar os seus objetivos de competição, e um árbitro chegando aqui e fazendo o que ele fez ontem, realmente é um absurdo, não pode passar em branco isso, tem que se tomar uma postura – explicou o treinador do Itabaiana.

Com o resultado, o Tricolor da Serra permaneceu na liderança do hexagonal do Campeonato Sergipano. O próximo duelo será novamente contra o Sergipe, desta vez, na Arena Batistão.

Mesmo com todas as dificuldades e polêmicas citadas, o técnico do Itabaiana gostou da postura da equipe, espera um resultado positivo no próximo domingo e pede mais seriedade à arbitragem para o Clássico da Paz que está marcado para iniciar às 16 horas.  – Independente do que aconteceu ontem, nós vamos continuar com nossos objetivos, vamos ter uma semana para nos prepararmos para esse difícil jogo contra a boa equipe do Sergipe.

Espero que possamos corrigir algumas coisas que são normais, pois todos os times sempre precisam fazer correções, mas eu gostei muito do desenvolvimento da nossa equipe ontem, que trabalhou bem a bola, teve mais posse, tivemos as melhores chances, não propiciamos tantas chances ao adversário, mas infelizmente, novamente tocando nesse assunto, a arbitragem nos tolheu. Isso ainda acontece no futebol atual, infelizmente, isso é muito triste pra nós que estamos labutando no futebol a tanto tempo e queremos que as coisas sejam sempre sérias.

E ontem realmente não foi um futebol sério, foi um futebol tendencioso e que uma arbitragem estragou todo um espetáculo. De qualquer forma vamos nos preparar, teremos uma semana cheia para isso.

Espero que possamos esquecer temporariamente essa questão da arbitragem e nos concentrar para o jogo de domingo que, na nossa concepção, é um jogo muito importante e que nós queremos buscar um resultado positivo, desde que as arbitragens também nos permitam – finalizou Leandro Campos.+ Veja como foi a partida no Tempo Real+ Confira a tabela do Campeonato Sergipano
.

Fonte: Globo Esporte