O Lajeadense demitiu o técnico Edson Porto após a derrota por 3 a 0 para o Grêmio, na Arena, no domingo. Edson havia assumido o time na sétima rodada. Em cinco jogos, teve uma campanha de uma vitória, dois empates e duas derrotas.

LEIA MAIS> Confira a tabela do Campeonato Gaúcho> Grêmio vence Lajeadense por 3 a 0Segundo o presidente do Alviazul, Everton Giovanella, a diretoria não aponta problemas no trabalho do treinador. Trata-se de uma tentativa de remobilizar o grupo, já que o time está na zona de rebaixamento e restam apenas duas partidas.

– Estamos tentando um último movimento para conseguir uma reação do grupo. Não conseguimos o esperado.

O trabalho do Edson Porto foi bem feito, dedicado. É uma decisão da presidência.

Se eu pecar, será por tentar, não por me omitir – explica Giovanella ao GloboEsporte.com.

O auxiliar Mário Sérgio Almeida, conhecido como Serginho, vai treinar o time nos dois últimos jogos. Ex-jogador, Serginho atuou pelo Juventude e pelo próprio Lajeadense.

Esta é a segunda mudança no comando da equipe, que ocupa a zona de rebaixamento. Na sexta rodada, Rodrigo Carpegiani havia deixado o clube na 12º posição – mesma colocação de hoje –, com uma vitória, um empate e quatro derrotas.

> Os jogos de Edson PortoCruzeiro-RS 1 x 1 LajeadenseLajeadense 1 x 0 GlóriaNovo Hamburgo 1 x 0 LajeadenseLajeadense 0 x 0 InterGrêmio 3 x 0 Lajeadense
Confira todas as notícias do esporte gaúcho em www.globoesporte.

com/rs
.

Fonte: Globo Esporte