O técnico Claudinei Oliveira aproveitou a semana livre no
Paraná Clube e deu atenção especial ao sistema defensivo às vésperas de duelos
decisivos. O time pega o Foz do Iguaçu pelas quartas de final do
Campeonato Paranaense no domingo e estreia contra o Estaciano na Copa do Brasil
na quarta-feira. O Tricolor, que levou seis gols nas últimas quatro
partidas, quer melhorar seu aproveitamento para passar de fase tanto no
estadual quanto no torneio nacional.

– Como a gente estava com a defesa muito bem consolidada,
com as linhas de quatro trabalhando muito bem, estava dando muita ênfase à
parte ofensiva. E agora, até por termos jogo de Copa do Brasil, voltamos a dar
ênfase para a parte defensiva.

Trabalhamos bastante as linhas defensivas ali,
sem esquecer lógico o ataque. Mas acho que atacar já é uma coisa natural da
nossa equipe, do futebol brasileiro.

O brasileiro
gosta de jogar para frente – comentou o treinador em entrevista coletiva na
tarde desta sexta-feira, no CT Racco.Para o duelo com o Foz, o Paraná – que não vence
há quatro rodadas na competição – deve ter força máxima.

O lateral-direito
Dick, o zagueiro Alisson, o meia Válber e o atacante Robson após suspensão. Dick
fica no banco de reservas; os outros três reassumem a titularidade.

O objetivo de Claudinei é usar a mesma base da escalação das
primeiras rodadas, com duas mudanças. Nei e Zé Roberto entram nos
lugares de Dick (hoje reserva) e Luiz Felipe (vendido ao Santos), antigos
titulares.

No meio-campo, Lucas Otávio e Anderson Uchoa disputam uma vaga.O provável Tricolor, portanto, tem Marcos;
Nei, Zé Roberto, Alisson e Fernandes; Jean, Lucas Otávio (Anderson Uchoa),
Nadson e Válber; Robson e Lúcio Flávio.

O Paraná faz uma última atividade na
manhã de sábado, ainda em Curitiba, e viaja para Foz no período da tarde.- Esses jogadores se doaram ao máximo e jogaram quatro jogos
quase inteiros, né? E deram conta do recado e nos colocaram nesta situação
favorável.

A única saída foi o Luiz Felipe, e o Nei ganhou a posição do Dick. Nada
mais justo do que esses atletas iniciarem o mata-mata, mas eles já sabem que o
elenco agora está um pouco mais qualificado.

Já tem aí o Carioca, o Lucas
Otávio, o próprio Dick, o Demerson..

. Então, está sendo encorpado este  elenco e, a partir de agora, a concorrência é
maior – completou.

Confira tambémConfrontos das quartas de final do Campeonato ParanaenseIngressos à venda para o primeiro jogo das quartas de finalCom grupo enxuto, Claudinei não prioriza uma competição”É impossível pensar no Paraná sem a Vila”, diz presidenteA partida entre Foz e Paraná, às 18h30 de domingo, terá a arbitragem de Rogério Menon da Silva. Ele será auxiliado por Antônio Marcos de Andrade e Eduardo Teixeira Furiatti.

O Premiere FC transmite o jogo através do sistema pay-per-view, e o GloboEsporte.com acompanha em Tempo Real, com vídeos dos principais lances, a partir de 17h30.

Confira mais notícias do esporte paranaense no globoesporte.com/parana
.

Fonte: Globo Esporte