O Fluminense entra em campo diante do Tombense nesta quarta-feira com três objetivos claros em Muriaé: alcançar o 10° jogo de invencibilidade, vencer por dois gols de diferença para eliminar o jogo de volta na primeira fase da Copa do Brasil e encerrar a seca de gols de Fred. Sem marcar há sete partidas, o camisa 9 está perto de igualar o seu segundo pior jejum com a camisa tricolor. Em 2011, o atacante passou oito jogos seguidos sem balançar as redes adversárias.

Nada, no entanto, que preocupe o técnico Levir Culpi.Mesmo sem os gols de Fred, o Fluminense embalou desde a chegada do treinador.

Já são sete jogos sem perder, com quatro vitórias e três empates. Somando os dois triunfos sob o comando do auxiliar técnico Marcão, a invencibilidade chega a nove partidas.

O último gol do capitão foi há 52 dias, no empate por 3 a 3 com o Madureira, ainda com Eduardo Baptista como treinador. Desde então, nomes como Osvaldo, Gustavo Scarpa e Cícero têm dado conta do recado.

– Fred tem tranquilidade e experiência para administrar. A bola não entra, apenas isso.

Não há fórmula para mudar. A bola tem de entrar.

Se a bola entrar, acabou. Ele sabe o que fazer, ele terá situações para marcar, tomara que esteja iluminado – frisou Levir.

Mesmo se passar em branco contra o Tombense, Fred ainda terá mais uma chance para evitar repetir o seu maior jejum de gols pelo Fluminense. Desde que foi contratado em março de 2009, o atacante passou apenas uma vez pela sequência de nove jogos sem marcar.

Foi entre as temporadas de 2013 e 2014, com uma grave lesão no meio.Tombense e Fluminense se enfrentam nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), em Muriaé, pela Copa do Brasil.

Vitória carioca por 2 a 0 elimina o jogo de volta. O Tricolor deve ir a campo com Diego Cavalieri, Jonathan, Gum, Henrique e Wellington Silva; Pierre, Cícero, Gustavo Scarpa, Gerson e Marcos Junior; Fred.

.

Fonte: Globo Esporte