Expoentes dos novos milionários do futebol mundial, Paris Saint-Germain e Manchester City chegam às quartas de final da Liga dos Campeões em um momento parecido: os dois clubes já veem o futuro entrar em pauta antes mesmo do fim da temporada e sentem a pressão pela proximidade de uma vaga história nas semifinais do torneio continental. Um duelo simbólico entre dois dos clubes mais gastadores do século. E a disputa por um lugar entre os quatro melhores da Europa começa nesta quarta-feira, às 15h45 (de Brasília), no Parque dos Príncipes.

O GloboEsporte.com acompanha a partida em Tempo Real.

> Quer ir à final da Liga dos Campeões? Clique aqui e participe da promoção. Boa sorte!No PSG, a sensação é que as notícias ruins passam bem longe.

O time comandado por Laurent Blanc garantiu a conquista do título francês com oito rodadas de antecedência, ainda no começo de março, e vem sendo considerado um dos favoritos a brigar pelo título europeu por conta do bom momento vivido por Ibrahimovic, Di María e cia. Entretanto, isso não é suficiente para afastar os rumores envolvendo a próxima temporada.

Dois fatores influenciam para que os parisienses estejam no olho do furacão quando o assunto são especulações de mercado. Primeiramente, o clube conseguiu se adequar às regras do Fair Play Financeiro, o que promete oferecer um grande fôlego no orçamento para voltar a fazer contratações por cifras históricas na janela do verão europeu.

Além disso, Ibra, o grande astro do elenco, tem sua saída quase garantida ao fim da temporada, uma vez que não acertou a renovação contratual e já possui propostas de centros como a Inglaterra. Desta forma, são diários os rumores dizendo que o xeque Nasser Al-Khelaifi, presidente do clube, pretende trazer Neymar ou Cristiano Ronaldo a partir do meio do ano.

Do outro lado, no City, nem tudo são flores. Quarto colocado no Campeonato Inglês, o clube não tem mais chances de conquistar o título e o corre risco de ficar fora da zona de classificação para a próxima edição da Champions.

Em meio a isso, enfrenta críticas por já ter anunciado a saída de Manuel Pellegrini para o fim da temporada e a contratação de Pep Guardiola para 2016/17 – o que vem gerando uma sequência de outros rumores.O fato de um dos treinadores mais badalados do mundo já estar acertado com um clube que não costuma poupar gastos no mercado vem fazendo as especulações em torno do City of Manchester se tornarem cada vez mais intensas.

A imprensa inglesa publica quase que diariamente rumores que afirmam que Pep já fez uma lista de reforços ou que terá centenas de  milhões de libras disponíveis para a janela de transferências do verão.Tentando driblar o futuro que já bate à porta, ingleses e franceses tentam chegar a uma fase da Champions à qual não estão acostumados.

Enquanto o Paris Saint-Germain só alcançou as semifinais em apenas uma oportunidade, na temporada 1994/95, o Manchester City jamais esteve a um passo da final continental. Para tentar dar mais um passo, o time de Laurent Blanc chega embalado com o triunfo diante do Chelsea nas oitavas de final, e o City tenta melhorar o desempenho mostrado na classificação sobre o Dínamo de Kiev.

.

Fonte: Globo Esporte