por

Publicado às

02:47 de
25/03/16

39 leituras

Cerca de duzentos torcedores marcaram presença nos últimos 30 minutos de treino da Seleção Brasileira, este foi o tempo disponibilizado para o público e para a imprensa prestigiarem à equipe, período suficiente para o início de uma polêmica.
Após o “rachão”, que ocorreu próxima à extremidade em que a torcida estava, os atletas foram ao treino de finalização no outro extremo da Arena Pernambuco, mas ao fim do treino os jogadores tiraram fotos com os torcedores parentes de influentes da região (que ficaram dentro do gramado), ignoraram o restante da torcida, que se organizou nas arquibancadas e foram embora para o vestiário. Indignados com o descaso dos atletas, a torcida entoou vaias e gritos, que pediam por mais humildade dos atletas e os provocavam fazendo alusão à derrota para Alemanha na Copa do Mundo de 2014.

Atingidos pela retaliação da torcida, o zagueiro David Luiz e o meia William foram ao encontro da torcida, assinaram camisas, tiraram fotos e se esticaram para tocar às mãos dos torcedores, que de revoltados e indignados, passaram à apoiadores da Seleção Canarinho, evidenciando que tudo que a torcida quer, além de resultados, é um pouco de carinho e atenção vinda dos atletas.

.

Fonte: Torcedores.com