O técnico Wagner Lopes definiu o
time do Atlético-GO que visitará a Aparecidense nesta quinta-feira, às 19h30,
pela 13ª rodada do Campeonato Goiano. Mais do que alterações na escalação, o
treinador rubro-negro espera mudança de postura, já que o Dragão vem de atuação
apática e derrota no clássico para o Vila Nova, no último domingo. Nesta quarta, Wagner Lopes falou
sobre a reunião que marcou a reapresentação do clube e os efeitos que ela gerou
no elenco.

Segundo o treinador, todos os jogadores puderam falar sobre a última
partida. Uma coisa é certa: desempenho como o do último domingo, especialmente
em clássicos, não será mais tolerado.

– Ninguém ficou satisfeito com a
atuação. É óbvio que existem cobranças e que elas são internas.

Foi um jogo
muito ruim. Nunca mais podemos ter uma atuação dessa, principalmente nos
clássicos.

Gostei muito da reunião. Todo mundo falou e deu opinião.

Precisamos melhorar
muito nossa postura dentro de campo – disse Wagner Lopes. O técnico do Atlético-GO fará
duas mudanças no time.

Sem Ednei, machucado, Pedro Bambu será deslocado para a
lateral-direita, e Willian Schuster entrará no meio-campo. Magno Cruz volta a
ganhar o lugar de Caíque.

O improviso de Bambu na lateral foi justificado.
Outra opção seria Matheus Ribeiro.

SAIBA MAISMárcio passa derrota a limpo e promete Atlético-GO diferente- O Matheus é muito bom jogador,
mas é preciso que ele faça o que é treinado dentro do jogo. A partir do momento
que não faz, eu tenho que procurar solução.

É uma decisão minha, de
posicionamento. Não é técnica.

Ainda contamos muito com o Matheus, não estamos
culpando o jogador. Vamos precisar dele.

O Atlético-GO enfrenta a
Aparecidense nesta quinta-feira com Márcio; Pedro Bambu, Marllon, Lino e
Romário; Gilson Alves, Willian Schuster, Magno Cruz, Jorginho e Luiz Fernando;
Júnior Viçosa. O Dragão lidera o Grupo B do Campeonato Goiano com 21 pontos e
poderá garantir vaga na semifinal em caso de vitória.

 
.

Fonte: Globo Esporte