Aos 9 minutos de jogo, a Venezuela abriu o placar em uma cobrança de falta de Otero. O goleiro chileno Johny Herrera colaborou e permitiu que a Venezuela abrisse o placar.
Durante a comemoração, o meia venezuelano Otero chamou a atenção ao dar autógrafo a um torcedor que estava na beira do gramado.

Mas o fato mais especial da noite, é do atacante chileno Pinilla. Bastante conhecido dos brasileiros quando “quase” eliminou o Brasil na Copa do Mundo de 2014 lançando uma bola na trave já na prorrogação, marcou os dois primeiros gols na goleada do Chile.

Os outros dois tentos que completaram o placar foram marcados por Arturo Vidal.
Pinilla, que estava há 11 anos sem marcar um gol com a camisa da seleção do Chile, já deve estar pensando como será sua próxima tatuagem, lembrando que o fato que o deixou famoso aqui no Brasil foi justamente marcar na pele o lance que teria o consagrado caso a bola entrasse e eliminasse o anfitrião do Mundial.

.

Fonte: Torcedores.com