Foi um gol que significou redenção. Na noite desta
quarta-feira, na Arena Fonte Nova, em Salvador, Zé Roberto balançou as redes e
decretou o triunfo por 1 a 0 do Bahia sobre o Santa Cruz. O lance foi
acompanhado de emoção.

Vaiado desde o início da partida, o atacante sequer conseguiu
esboçar uma comemoração. Apenas foi abraçado pelo time e tentou conter as
lágrimas.

 Após a partida, Zé Roberto comentou as críticas da torcida. Agradeceu
pelo gol, disse que está trabalhando para melhorar e se mostrou solidário a
Rômulo, outro jogador que se tornou alvo das vaias do torcedor.

– Tenho que agradecer a Deus. Estou trabalhando forte para
evoluir.

A torcida está pegando no meu pé, no do Rômulo também. Faz parte.

Se a
gente não fosse bom, a torcida simplesmente largava a gente de mão. Isso faz
parte – falou o atacante.

Autor de dois gols em jogos oficiais na temporada, o
atacante de 22 anos declarou amor ao Bahia. Ele conta que, não fosse o
sentimento que possui pelo clube, não teria resistido às vaias e pediria para
sair.

– Estava emocionado [após o gol]. Amo esse time.

Ficamos
tristes com algumas coisas que a gente lê e ouve. Amo esse time.

Se não
gostasse tanto, pediria para sair. Deus me abençoou com o gol.

Espero que possa
fazer mais – declarou.

Com 100% de aproveitamento, o Bahia é o time de melhor
campanha geral na Copa do Nordeste.

O adversário do Tricolor nas quartas de
final será definido por sorteio. As partidas serão realizadas no dia 30 deste
mês e no dia 03 de abril.

Saiba mais:Zé Roberto supera vaias, marca e Bahia bate o Santinha pelo NordestãoCom sabatina de sócios, Thiago Ribeiro é apresentado na Fonte NovaFique por dentro das notícias do esporte baianoClique aqui e assista a vídeos do Bahia
.

Fonte: Globo Esporte