Samo Trebizan/Shutterstock

Se você já adora um cardápio equilibrado, come de maneira saudável e moderada e agora decidiu apostar nos exercícios físicos para turbinar o seu emagrecimento precisa saber que alguns hábitos podem melhorar ou atrapalhar o processo. Confira abaixo algumas coisas que você precisa fazer se está se exercitando para perder peso:

1. Antes de mais nada, procure um profissional da saúde antes de realizar qualquer atividade física. Quando um médico dá aval para a prática, converse com um instrutor ou personal para conhecer os melhores exercícios para seus objetivos principais.

Bosu: você ainda ouvirá falar muito dele na academia - e ele vai te emagrecer MESMO

ShutterStock

2. Estabeleça metas realistas, respeitando seus limites e sua genética e sempre procure uma melhora física aos poucos, sem exagerar nas atividades imaginando que, assim, ficará mais magra e definida rapidamente.

3. Mantenha o foco na meta de peso e não nos alimentos que você pode comer ou deve evitar. A boa escolha alimentar será consequência deste processo e as restrições devem ser gradativas, de acordo com o emagrecimento, necessidade energética e, claro, tudo com orientação de um médico.

4. Ficar muito tempo sem comer é outro erro comum de quem quer perder peso. Além de comprometer a saúde, a prática não funciona e ainda atrapalha seu sucesso nas atividades físicas. Afinal, você precisa de energia para se exercitar e os alimentos são os combustíveis para garantir pique.

fizkes/Shutterstock

5. Evite situações estressantes e ansiedade excessiva, fatores considerados gatilhos para o ganho de peso. Aproveite e alivie as tensões com atividades físicas como boxe, danças ou até mesmo yoga e sessões de alongamento.

6. Se os exercícios parecem demorar para mostrar resultados você pode tentar turbinar o processo acelerando o metabolismo incluindo alimentos termogênicos no seu cardápio. Eles auxiliam na queima de calorias e têm como opções variedades saborosas como gengibre, chá verde, canela, entre outros.

7. Certifique-se se está fazendo os exercícios corretamente. A maneira como realiza os movimentos nos aparelhos, impulso, postura e até o simples alongamento podem influenciar na perda de peso com as atividades.

GaudiLab/Shutterstock

8. Você faz somente musculação ou só exercícios aeróbicos. Especialistas apontam que a combinação das duas atividades é o verdadeiro segredo para eliminar os quilos extras e manter o corpo firme e tonificado.

9. Abandone a balança e adote a fita métrica como controle. Tire suas medidas para ter noção real do que está mudando no seu corpo, já que você pode ganhar massa magra, e não gordura, e se assustar com números a mais na balança.

10. Procure criar o habito de observar a tabela nutricional dos alimentos. Entender as informações nutricionais dos alimentos é importante para conseguir seguir uma dieta de perda de peso. E cuidado para não cair na cilada de olhar apenas as calorias: alguns produtos podem até apresentar baixo teor calórico, mas conter quantia exagerada de outro componente que acaba sabotando o emagrecimento.

Conheça dicas úteis de como garantir resultado nos braços durante o treino

Thinkstock

11. Passar a semana comendo corretamente e reservar o fim de semana para enfiar o pé na jaca é outro erro que atrapalha muito o emagrecimento. Se você torna isso um hábito, faz com que sua rotina alimentar seja apenas para manter o seu peso, e não emagrecer de fato.

12. O corpo precisa de líquidos para realizar todas as funções necessárias, e, se isso não ocorre, as calorias não são queimadas como deveriam. Portanto, nunca se esqueça da recomendação de beber pelo menos dois litros de água por dia. O hábito contribui para a saúde e para a perda de peso, eliminando toxinas e evitando o inchaço.

13. Procure dormir pelo menos 7 horas todas as noites. Pessoas que se privam do sono regularmente tendem a engordar mais do que aquelas que descansam adequadamente. Pesquisas mostram que dormir menos do que o recomendado pode desregular os hormônios que controlam o apetite, causando fome e compulsão alimentar, além de causar fadiga e redução do ritmo metabólico.

Bumbum na nuca: 

Fonte: Bolsa de Mulher