Não é preciso ser acumulador para se sentir perdido, em poucas semanas, entre pilhas de papéis acumulados por uma família. Entre correspondências, encartes de revistas, publicidades, tabloides de supermercados, comprovantes de pagamento e extratos bancários, há uma série de outros rascunhos e resíduos que já poderiam ter ido para o lixo. Para não ficar em dúvida, veja a lista daquilo que é realmente importante guardar:

1. Garantias de produtos
Sempre com a nota fiscal, claro, e enquanto forem válidas. Quase todos os eletrodomésticos e alguns móveis vêm com garantias asseguradas pelo fabricante. De qualquer forma, toda venda é passível de arrependimento e devolução do dinheiro em até sete dias úteis, desde que apresentada a nota fiscal.

2. Manuais de instrução
É sempre bom guardar os manuais de instruções de equipamentos caros e sofisticados, mesmo após dominar o uso. Pode existir alguma nova dúvida demanda em alguma oportunidade que, para ser solucionada, exija uma consulta ao manual.

3. Recibos do imposto de renda
Se há um recibo que você deveria guardar para o resto da vida, todas as declarações, não importa de que ano seja é o do IR. Diferente de outros comprovantes que têm data de validade, a qualquer momento você pode precisar consultar alguma declaração. Porém, caso haja essa necessidade urgente, é possível requerer recibos antigos pessoalmente na Receita Federal.

4. Comprovantes de pagamentos
Em tese, comprovantes de pagamento de contas, boletos e títulos devem ser guardados por até cinco anos até que caduquem. Nem sempre a qualidade do papel bancário permite tanta durabilidade, mas quanto aos canhotos de cheque, por exemplo, faça um esforço para guardá-los esse período.

5. Documentos de transferência do carro
Deixe sempre reservado em local seguro, mas de fácil reconhecimento, todos os seus documentos de transferência do carro. Eles são sua garantia de posse mais importante e valiosa.

6. Certidões de estado civil
Certidões de casamento, nascimento ou divórcio, assim como os documentos do carro, e outros pessoais como título de eleitor e diploma de graduação, devem também ficar em local que consiga lembrar facilmente.

Fonte: Bolsa de Mulher