Oli Scarff/Getty Images

Apesar dos avanços no combate à violência contra as mulheres, muito ainda precisa ser feito para evitar que elas deixem de se tornar vítimas de preconceitos e brutalidades. Mesmo parecendo algo muito distante de nossa sociedade e até mesmo uma atitude selvagem, a mutilação genital feminina ainda em pelo menos 30 países ao redor do mundo, especialmente na África.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) define o procedimento como a remoção parcial ou total dos órgãos genitais femininos externos ou lesões na região por razões que não são consideradas médicas. Confira alguns dados chocantes sobre mutilação genital, segundo a Unicef:

1. A Unicef indica que cerca de 200 milhões de meninas e mulheres vivem com a mutilação genital em 30 países pesquisados no mundo.

2. Deste total, aproximadamente 44 milhões são meninas de 14 anos de idade ou mais jovens.

Spencer Platt/Getty Images

3. Egito, Etiópia e Indonésia são os três países pesquisados que concentram metade dos casos de mutilação genital feminina.

4. Em países como Somália, Guiné, Serra Leoa e Djibouti 9 entre cada 10 mulheres entre 15 e 49 anos sofreram mutilação genital.

5. Desde o ano de 2008, 15 mil regiões de 20 países declararam o abandono completo da violenta prática de mutilação genital em mulheres.

6. Apesar da diminuição da realização do procedimento em todo o mundo, ainda é estimado pela Unicef que o número de vítimas da mutilação genital feminina possa crescer nos próximos 15 anos por causa do aumento demográfico.

Abusos contra a mulher: 

Fonte: Bolsa de Mulher