Thinkstock

Sua bolsa é como um grande buraco negro? Você nunca encontra o que procura, por outro lado, um pouco de tudo parece ter sido armazenado na sua grande e pesada mortalha diária? Experimente desatravancar o fluxo e abrir espaço para o novo. Diminua a quantidade de peso desnecessário e otimize sua bolsa para conseguir levar uma vida mais prática e leve.

1. Jogue fora o que é lixo ou não presta mais. Maquiagem com prazo de validade vencido, caneta que não escreve, xerox de documento caduco, comprovantes de pagamento, extrato de banco, papel de bala e chicletes.

2. Tire da bolsa tudo que você não usa diariamente. Você não precisa carregar um caderno de capa dura 24 horas por dia, seis dias da semana nos quais você não vai até o ateliê de desenho para uma aula de 40 minutos de duração.

3. Separe as coisas mais importantes em compartimentos. Aquelas que são essenciais para sua rotina diária. As que você só usa esporadicamente, ou por assuntos, atividades ou dias da semana.

4. Carregue bolsas menores com produtos de beleza e higiene. Arrume uma pequena necéssaire para os itens essenciais (algum comprimido, absorvente, para alguma emergência) e outra que só vai carregar esporadicamente com o shampoo e sabonete para o pós-aula de natação, por exemplo.

5. Imagine suas atividades semanais e organize outros bolsinhos com documentos, ou material necessário. Cadernos e materiais de estudo, itens de academia, trocas de roupa para os dias de mais calor ou frio. Tente manter o mínimo de controle sobre o que põe na bolsa diariamente.

6. Guarde a chave de casa no mesmo lugar sempre. Escolha um bolso ou um chaveiro com mosquetão para saber sempre onde encontrar. O mesmo vale para o celular, carrregador de celular, chave e documentos do carro.

Fonte: Bolsa de Mulher