Muitas famílias brasileiras não costumam comer feijão diariamente por culpa da falta de tempo para cozinhá-lo. Porém, essa não é desculpa para não prepará-lo nos finais de semana para congelar em porções para outros dias. Você pode não apenas cozinhar os grãos, como também temperá-los do seu jeito preferido (com ervas, bacon ou ricota defumada) antes de levar ao congelamento. Assim, fica muito mais fácil recorrer ao freezer durante a semana e conseguir um acompanhamento para o arroz.

– Você pode congelar a leguminosa já temperada com louro, orégano, cominho, pimenta, alho e cebola. Ou congelar apenas o feijão cozido em porções e temperá-lo cada vez que for servir.

– As porções de feijão podem ficar no congelador por um período de três meses sem haver danos na qualidade do alimento.

– Mesmo congelado, o feijão perde um pouco das suas propriedades nutricionais, mas ainda é fonte de: ferro, vitaminas do complexo B e proteínas.

– Para ser consumida, a porção de feijão deve ser descongelada na noite anterior dentro da geladeira. Assim, o alimento vai descongelar de forma segura e gradual.

– Evite aquecer o feijão em potes de plástico diretamente no micro-ondas. Muitos materiais plásticos liberam toxinas que são prejudiciais à saúde.

Fonte: Bolsa de Mulher