Alguns sintomas que aparecem nas unhas estão tentando lhe alertar para possíveis problemas de saúde. Segundo a versão hispânica da revista feminina Cosmopolitan, manchas brancas ou escuras e superfícies irregulares revelam algumas condições que não são apenas estéticas nas unhas. A especialista Michelle Humphrey revela quais os problemas mais comuns e, o mais importante, como tratá-los.

1. Você tem manchas brancas
Na maioria dos casos, as manchas brancas das unhas são normalmente o resultado de um trauma. Então, se você levou sofreu uma pequena batida, é normal que a mancha apareça e desapareça como uma contusão tratada. Se as manchas aparecem mais frequentemente, pode ser causada por uma deficiência de zinco. Isso é, geralmente, resultado de alterações na dieta. Alimentos fonte deste mineral são: espinafre, feijão, nozes e frutos do mar. Em outros casos, os pontos podem ser causados por ressecamento da unha. Para evitá-lo, use removedor de esmalte sem acetona e hidrate as mãos regularmente.

2. Suas unhas mudaram de cor
Às vezes, as unhas podem ficar sem cor ou até mesmo ganhar uma tonalidade amarelada. Isso geralmente acontece associado ao uso excessivo de esmaltes e seus removedores. Tente sempre usar uma base de proteção antes de pintar com cor. Porém, se a unha fica marrom, verde ou amarela, e parece ter engrossado um pouco, pode ser uma infecção de unha por fungos ou bactérias.

3. As unhas têm cumes e irregularidades
Sulcos verticais são bastante comuns e um sinal natural de envelhecimento da unha. Elas não têm normalmente nenhum problema e você pode suavizá-las lixando suavemente a superfície da unha com muito cuidado. Já as linhas horizontais são menos comuns e geralmente ocorrem após momentos prolongados de estresse ou algum tipo de doença. Elas são mais propensas a aparecer nas unhas dos pés do que nas mãos.

4. Você tem pontos ou linhas pretas sob as unhas
Eles podem ser resultado de contusão ou sujeira. Mas, se você tem certeza de que não é nenhuma dessas duas coisas, vá ao seu médico porque podem ser um sinal de um melanoma maligno.

Fonte: Bolsa de Mulher