por Paulo Nobuo

Vladimir Gjorgiev/Shutterstock

Apesar de ser considerado por muitos apenas como uma carícia inocente, o sexo oral, assim como diz a própria definição, é sim considerado sexo e pode, portanto, transmitir determinadas doenças. Mas será que é possível ocorrer algum tipo de infecção se um homem fizer sexo oral em uma mulher virgem?

Segundo o médico Jairo Bauer, apesar de ter o risco minimizado devido ao fato de a mulher nunca ter tido contato íntimo, o fato não elimina completamente as chances de contrair uma doença, já que alguns fungos e bactérias que convivem normalmente em nosso corpo podem ganhar força e causar a infecção.

VladimirFLoyd/istock

Por isso, o especialista lembra da importância do uso de preservativos e mesmo papel filme durante a prática de sexo oral e ensina que o ato oferece mais riscos sempre para quem pratica do que para quem recebe a carícia íntima.

Saúde e prevenção: 

Fonte: Bolsa de Mulher