Kim Kardashian deu à luz Saint West em dezembro de 2015 e, desde então, vem tentando perder os quilinhos que ganhou durante a segunda gestação. Recentemente, ela divulgou através de seu aplicativo que já eliminou 19 kg, mas que ainda faltam 12,7 kg para voltar ao seu peso ideal.

Em entrevista à revista Redbook, Colette Heimowitz, a nutricionista da socialite, revelou todos os detalhes da dieta de 1.800 calorias diárias que Kim tem seguido para perder o quilos que ganhou na segunda gravidez. Confira:

Assim como fez após o parto da primeira filha, North West, Kim está fazendo a dieta Atktins. Há muito tempo, ela segue essa dieta. “[Kim] foi originalmente introduzida à dieta Atkins pelo seu pai, quando ela ainda estava na faculdade”, contou sua nutricionista à revista. Segundo a médica, a socialite está muito familiarizada e confia na dieta porque ela já funcionou no passado.

A dieta da proteína

Ovos, peixe, frango, carnes… a nutricionista diz que Kim Kardashian come proteína em todas as refeições para ajudá-la a sempre estar com sensação de saciedade. Além disso, ela também come alimentos ricos em fibras (como alcachofras e abóbora) e gorduras saudáveis (como abacate e azeite).

Queijo na dieta de Kim

Omeletes de queijo com bacon de peru. Frango fatiado com muçarela fresca. Sopa de cebola com queijo derretido em cima. Pequenas fatias de queijo com azeitonas pretas. Estas são algumas das comidas preferidas da socialite. Mas, claro, que tem regras. Ela só pode comer pouco mais de 113 gramas de queijo ao dia.

Outros alimentos que Kim pode comer, mas com moderação são: sour cream, bebidas calóricas e manteiga.

Dieta de poucas calorias?

A dieta tem muito pouco carboidrato, mas nem tão poucas calorias. “Uma dieta com pouquíssimas calorias deixa a pessoa faminta o tempo inteiro”, conta a nutricionista.

“Quando você tem quantidades adequadas de calorias, proteínas, gorduras e carboidratos ricos em fibras na dieta, você não se sente tentado a acrescentar outros alimentos”, diz Colette sobre a importância de uma dieta balanceada.

A nutricionista também diz que se a mulher está amamentando, ela não deve cortar drasticamente as calorias da dieta, porque isso costuma diminuir os nutrientes ingeridos e pode ser prejudicial para o bebê.

A médica conta que foi comprovado que restrições calóricas desaceleram o metabolismo e, por isso, o organismo queima calorias em um ritmo mais lento e a pessoa acaba não emagrecendo como esperava.

Calorias diárias: 1.800

É o mínimo de calorias que mulheres que estão amamentando, como Kim Kardashian, devem consumir. Especialistas dizem que, em média, as mulheres consomem entre 1.800 e 2.200 calorias por dia.

Sobre a rotina de Kim, a nutricionista diz que a socialite come de 113 a 170 gramas de proteína, pouco mais de 113 gramas de queijo, de oito a dez porções de vegetais e duas colheres de sopa de gordura todos os dias.

Alimentos que devem ser evitados

Entre os ingredientes que estão proibidos na dieta Atkins estão: açúcar, doces, bolos, bolacha, farinha branca e arroz branco. E, apesar da dieta incluir poucos carboidratos, não significa que eles estejam ausentes. A nutricionista comenta que é só questão de fazer boas escolhas.

“O segredo é escolher carboidratos que têm muitas fibras e retardam a liberação de açúcar na corrente sanguínea”, explica. A médica conta que pequenas substituições já são eficazes, como trocar arroz branco por arroz integral, batata por inhame e açúcar por adoçante ao fazer uma sobremesa. Ainda assim, é preciso ficar atento à quantidade que se consome.

Enquanto Kim luta para voltar ao peso ideal, estes alimentos estão proibidos. Mas Colette explica que quando ela atingir o objetivo que tem, ela vai aos poucos percebendo quais dos alimentos que estão fora de sua dieta, ela pode consumir com moderação. “Quando se está altamente motivado e comprometido, às vezes, a pessoa prefere seguir uma dieta rígida para não jogar fora o progresso que teve”, diz a nutróloga sobre a adaptação alimentar que as dietas exigem.

Mas não é por que a dieta funciona para Kim Kardashian, que ela vai funcionar para todo mundo. Todas as dietas devem ser acompanhadas por nutricionistas.

Emagrecendo com saúde

Segundo especialistas, o saudável é emagrecer entre meio quilo e um quilo por semana, sendo mãe ou não. Então, Kim está no caminho certo. De acordo com a nutricionista, emagrecer mais do que isso por semana poderia afetar o leite da mamãe. Além disso, o número é uma média, tendo em vista o que ela emagreceu durante o mês inteiro.

A médica acha importante ressaltar isso, pois as pessoas não devem se culpar caso não batam a meta semanal, já que todo mundo é diferente e fatores externos influenciam bastante a perda de peso. Ela ainda finaliza dizendo que não tem nada demais emagrecer um pouco mais do que o previsto e não emagrecer nada na semana seguinte, por exemplo.

 

Fonte: Bolsa de Mulher