Imagine você, que pratica algum tipo de prática esportiva todos os dias? Ok, mesmo que sejam somente algumas braçadas na piscina uma ou duas vezes por semana. Segundo a terapeuta capilar Sandra de Assis Maia da clínica Alto Stima, os cabelos perdem nutrientes e sofrem maus tratos quando são amarrados, quando estão expostos ao suor, sol ou cloro excessivamente.

Se você não trata de hidratá-los muito bem esporadicamente, ou pior, não cuida de higienizar e secar bem os fios logo após os exercícios, pode acabar tendo outros problemas.

1. Ressecamento
O suor causa a secura dos fios. Para proteger os cabelos antes da atividade física, aposte em algumas gotinhas de óleo vegetal que também tem ação antioxidante e combate os radicais livres.

2. Seborreia
Sem limpeza adequada, o excesso de oleosidade acumulada no cabelo pode cabelos oleosos levar à seborreia, que causa a caspa e coceira no couro cabeludo.

3. Caspa
Outro costume que é prejudicial e pode causar desequilíbrio nos folículos pilosos com proliferação de fungos e bactérias, levando à descamação do couro cabeludo ou caspa, é o uso de bandanas ou bonés abafando o suor e umidade por muito tempo.

4. Queimaduras solares
As práticas de atividade físicas ao ar livre, em parques, quadras e pistas de corrida, atletismo ou ciclismo, por exemplo, exigem o uso de produtos com FPS não só na pele, mas também nos fios de cabelo.

5. Danos químicos
O simples ato repetitivo de lavar todos os dias após a prática, por exemplo, ou nadar em água clorada pode causar danos na  estrutura proteica dos fios, reduzindo a quantidade de queratina que diminui o viço e brilho dos cabelos.

Cabelo oleoso:

Fonte: Bolsa de Mulher