Estou perdendo peso ou desinchando? Aprenda a identificar os sinais

Cimmerian/iStock

Mesmo quem se alimenta corretamente e pratica exercícios regularmente pode sofrer para acabar de vez com aquela gordurinha extra na barriga, chamada popularmente de “pochete”. Se você conhece bem a condição que provoca o incômodo inchaço, saiba que a solução pode estar em uma dieta simples criada por cientistas da Universidade de Monash, em Melbourne, e divulgada pelo site “Daily Mail”.

Chamado de FODMAP, o plano alimentar é baseado no corte de alimentos que contenham certos carboidratos e fibras que provocam desconfortos gástricos e inchaço. Entre os itens proibidos estão pão, alho, cebola, algumas frutas e legumes, adoçantes artificiais, mel e produtos lácteos.

Piotr Marcinski/Shutterstock

Antes de iniciar qualquer dieta, a consulta com profissionais da saúde é essencial para saber os motivos pelos quais você deseja emagrecer, a quantidade de quilos que pretende eliminar de maneira segura e qual o melhor plano alimentar a ser seguido, de acordo com o seu histórico de saúde e como seu organismo responde a determinados alimentos.

O plano alimentar criado por cientistas é baseado na eliminação ou redução de determinados grupos alimentares e na introdução de algumas comidas que podem e devem estar presente no seu cardápio. Confira o que você pode ou não comer, segundo a dieta:

Dmytro Zinkevych/Shutterstocks

Evite ou reduza a ingestão de pão, massas, bolos ou biscoitos feitos com trigo, centeio, cevada ou milho. Maçãs, peras, ameixas, ameixas, pêssegos, nectarinas, damascos, cerejas e melancia são algumas das frutas que não devem estar presentes no cardápio.

Entre os vegetais, reduza o consumo de repolho, couve-flor, brócolis, couve, cebola, alho-poró, alho, beterraba e cogumelos. Evite ainda ervilhas, feijões, lentilhas e feijões de soja, produtos lácteos como leite de vaca, manteiga e iogurte, além de goma de mascar sem açúcar e balas que contêm sorbitol ou xilitol.

Thinkstock

De acordo com a dieta, está liberado o consumo de aveia, arroz, polenta, quinoa, macarrão e pão sem glúten, assim como as seguintes frutas em apenas uma porção: banana, mirtilo, melão, coco, uva, kiwi, limão, lima, laranja, mamão, abacaxi, framboesa e morango.

Entre os vegetais, aposte em pimentão, cenoura, pepino, berinjela, gengibre, feijão verde, couve, alface, azeitonas, rabanete, espinafre, abobrinha e tomate. O plano alimentar ainda pede o consumo de proteínas, como carne, frango, peixe, tofu e ovos, assim como gorduras boas presentes no azeite de oliva, sementes, macadâmia, amendoim e nozes.

Gordura ou inchaço?: 

Fonte: Bolsa de Mulher