por Paulo Nobuo

ShutterStock

Se você já dividiu o quarto com um irmão, colega ou mesmo parceiro e se assustou com risos durante à noite, saiba que não está sozinha, já que rir durante o sono é algo bastante comum e, segundo um estudo publicado no “National Center for Biotechnology Information”, geralmente inofensivo.

O trabalho científico tinha como objetivo explicar o fenômeno, diferenciando os aspectos psicológicos e patológicos do riso. Os dados coletados e uma revisão da literatura sobre o caso sugerem que rir durante o sono, na maioria dos casos, é algo fisiológico e benigno, relacionado com sonhos e a fase do sono REM.

Thinkstock

Normalmente, esses sonhos são únicos ou mesmo sem graça para uma pessoa quando ela está acordada, mas trazem sensação de alegria uma resposta comportamental genuína no momento de descanso.

Em casos mais raros, o riso durante o sono foi identificado como um sintoma de distúrbios neurológicos que afetam o sistema nervoso central. Nestes pacientes, o comportamento é diferente quando comparado com riso fisiológico e a sensação de alegria é normalmente inexistente.

Dicas para dormir bem: 

Fonte: Bolsa de Mulher