Mixmike/iStock

A chegada de um novo bebê na casa é sempre motivo de alegria e empolgação para os pais. O filho mais velho, no entanto, pode a princípio não gostar muito da ideia de dividir atenções e sofrer com certo ciúme. Se você teme dar mais atenção ao filho mais novo do que ao primogênito, confira dicas para evitar o sentimento e entender, de uma vez por todas, que em coração de mãe sempre cabe mais um.

O recém-nascido, claro, vai exigir mais cuidados e atenção nos primeiros meses de vida, mas você ainda pode manter forte os laços com o filho mais velho passando um tempo exclusivo com ele, lendo histórias e brincando, fazendo com que ele não se sinta abandonado.

stephanie phillips/iStock

Aproveite os momentos em que o bebê está dormindo e sente-se com seu filho mais velho para perguntar sobre como está a escola, o que ele aprendeu de novo, se fez novos amigos, enfim, procure demonstrar interesse e curiosidade sobre a vida do primogênito.

Sempre que possível, peça para que o mais velho ajude em alguma tarefa com o bebê, como buscar uma fralda ou mamadeira. Agradeça dizendo que você fica feliz por ele te auxiliar e que ter um filho maior é essencial para a sua nova vida com o irmãozinho.

Feverpitched/iStock

De tempos em tempos, deixe o bebê ao cuidado dos avós e faça programas familiares com o filho mais velho, levando a passeios que ele gosta, para que ele não se sinta desprestigiado com a chegada do irmãozinho.

Evite fazer comparações entre os filhos, especialmente na frente do mais velho. Mesmo coisas banais, como dizer que o bebê chora menos do que o irmão ou como o recém-nascido é maior, menor, mais bonito, enfim, tenha em mente que cada criança é única e possui características especiais.

Amor e ódio: 

Fonte: Bolsa de Mulher