Você não se considera uma acumuladora, mas tem muita coisa sem uso e guardada ocupando espaço na sua casa? Ou, pior, você considera que nem tem mais lugar assim para guardar tanta coisa, o que acaba favorecendo a bagunça generalizada? Se você não quer apenas se desfazer ou doar parte das tralhas, descubra algumas formas de reduzir seu problema ganhando algum dinheiro com a iniciativa.

1. Organize um bazar

A forma mais rápida, informal e caseira de tentar vender parte dos seus pertences é organizando um bazar de usados. Podem ser vendidos roupas, calçados, eletrodomésticos, discos, livros, DVDs e até móveis. Chame alguns amigos, parentes ou colegas do condomínio e façam uma ação conjunta.

2. Ofereça num antiquário

Se você tem peças raras ou antigas, mas conservadas como relíquias em móveis, cristais, utensílios de porcelana ou prata, leve a um antiquário para avaliar.

3. Deixe em consignação
Alguns brechós e lojas de objetos usados não costumam comprar peças, apenas trocar ou vendê-las em consignação. Ou seja, você usa o serviço de terceiros como “vitrine” sem ganhar nada até que o produto seja vendido.

4. Coloque anúncios no bairro
Pode ser no jornal, no mural do prédio, da faculdade ou da padaria. Deixe as pessoas saberem que você tem coisas que possam lhes interessar por um precinho camarada. Se não quiser dar seus dados pessoais para contato, crie um perfil temporário no Fabebook para fazer a negociação.

5. Anuncie na internet
Você pode tanto criar uma página própria ou um perfil temporário no Facebook, quanto se cadastrar em alguns serviços de anúncio e venda já existentes. Alguns bem conhecidos são Mercado Livre, OLX, e Enjoei.com.

Fonte: Bolsa de Mulher