Se tivéssemos que adivinhar, diríamos que você provavelmente já ouviu o nome “vulva”, mas que está muito mais familiarizada com o termo “vagina”. Ele é mesmo mais comum e, por isso, muitas mulheres acabam acreditando que vagina é toda a área íntima feminina, até a parte externa, que envolve os grandes e pequenos lábios. Mas não é bem assim. Descubra, a seguir, as diferenças entre essas duas incríveis partes do seu corpo.

Diferença entre vulva e vagina 

Vulva 

A ginecologista Flávia Fairbanks, de São Paulo, explica que a vulva é a região externa do órgão genital feminino, onde ficam os pelos e os pequenos e grandes lábios.

Vagina 

“A vagina, por sua vez, é o canal que, em mulheres virgens, é fechado pelo hímen”, explica a médica. É ela que faz a ligação entre a vulva e o colo do útero e que recebe o pênis durante a relação sexual heterossexual. A vagina, portanto, é a parte interna do órgão genital.

Higiene da vagina e da vulva: como fazer? 

Elas são bem próximas e têm nomes até parecidos, mas são bem diferentes estruturalmente e, portanto, também pedem cuidados de higiene distintos.

Na hora da lavagem, a vulva deve ser higienizada com água e sabonete neutro, o que ajuda a eliminar suor, secreções acumuladas, resquícios de menstruação e o esmegma, aquela substância esbranquiçada – composta por células mortas e epitélio – que se acumula normalmente entre os grandes e pequenos lábios.

Já a vagina não precisa de nada disso. A secreção vaginal normal é capaz de mantê-la saudável e limpa, além de evitar que agentes causadores de doenças se proliferem pelo sistema reprodutivo facilmente. A ducha interna realizada em casa por algumas mulheres para lavar o canal vaginal, além de desnecessária, é completamente contraindicada por médicos.

Fonte: Bolsa de Mulher