Suspeitos foram surpreendidos pela PM quando iam fugir com dinheiro (Foto: WhatsApp/ Reprodução )
Dois homens armados com revólveres assaltaram uma Lotérica, nesta sexta-feira (13), no Centro de Ji-Paraná (RO). Segundo a Polícia Militar (PM), a dupla entrou no local durante a tarde e levou mais de R$ 2 mil de clientes e funcionários. Quando iam sair do local com o dinheiro, os homens foram surpreendidos por policiais.

Assustados, eles renderam dois clientes da lotérica e fizeram de reféns. A negociação foi breve e os homens se entregaram após a chegada da imprensa.

Conforme a PM, os clientes e funcionários da lotérica foram pegos de surpresa pelos dois homens, que já chegaram armados com revólveres calibre 38. Assim que entraram no estabelecimento, os suspeitos anunciaram o assalto e invadiram o espaço reservado aos funcionários.

Eles então pegaram todo o dinheiro do caixa e dos clientes que estavam na fila. Armas e dinheiro das vítimas foram apreendidas pela PM (Foto: Marco Bernardi/ G1)
Quando iam deixar a lotérica, os criminosos foram surpreendidos com a chegada da PM.

Os homens então retornaram para dentro da lotérica e fizeram dois clientes reféns. A negociação com a PM foi breve, pois os criminosos exigiram a presença da imprensa.

Com a chegada dos jornalistas, os homens jogaram as armas no chão e se entregaram.
Uma das vítimas que foi refém no assalto relembrou o roubo na lotérica.

“Quando eles iam sair a polícia chegou e eles voltaram para trás. Um deles me segurou pelo braço e colocou a arma na minha cabeça.

Ele ficou o tempo todo falando que não faria nada comigo, mas foi um momento desesperador, um terror”, comentou Ozana Miranda.
Conforme a PM, os dois assaltantes residem na cidade de Ariquemes e ambos possuem passagens por assalto.

A polícia encaminhou os infratores para a 1ª Delegacia de Polícia Civil. Com eles foi encontrada R$ 2,3 mil, além dos dois revólveres e munição.

Na delegacia, os infratores foram reconhecidos por testemunhas de outros roubos realizados durante a tarde, em Ji-Paraná.
.